Ana Patrícia e Rebecca vão à final na etapa de Haia do Circuito Mundial de Vôlei de Praia

O Brasil está na final da primeira etapa de 2019 do Circuito Mundial de vôlei de praia. Ana Patrícia e Rebecca (MG/CE) venceram dois jogos neste sábado (05.01), pelas quartas e semifinais, e avançaram à disputa do ouro da etapa quatro estrelas de Haia (Holanda). A decisão será neste domingo (06.01), às 11h (de Brasília), contra as norte-americanas Sponcil e Claes.

Ana e Rebecca começaram o dia superando as eslovacas Natalia Dubovcova e Andrea Strbova por 2 sets a 0 (21/16, 21/15), em 30 minutos, pelas quartas de final. Horas depois, vitória contra as atuais campeãs da etapa da Holanda, as norte-americanas Alix Klineman e April Ross, atualmente a dupla número 1 do país: 2 sets a 0 (21/17, 21/19), em 36 minutos.

Ana Patrícia e Rebecca buscam a terceira medalha no Circuito Mundial, e a segunda em um torneio de quatro estrelas, após a prata em Las Vegas em outubro de 2018. Ana comentou a vitória nas semifinais e analisou o torneio na Holanda até aqui.

“Foi muito difícil, elas salvaram alguns match points no final, os times dos Estados Unidos são muito fortes, mas nos unimos e estamos muito felizes por essa vitória. Amanhã será outro jogo duro, são garotas jovens, como nós, temos que descansar e estudarmos o jogo delas”, disse.

Pedro e Bruno caem nas quartas de final do Masculino
Entre os homens, Pedro Solberg e Bruno Schmidt (RJ/DF) conquistaram duas vitórias, mas acabaram eliminados nas quartas de final. A dupla brasileira começou o dia vencendo os suíços Gabriel Kissling e Michiel Zandbergen na repescagem, por 2 sets a 0 (21/18, 21/19), em 39 minutos. Na sequência, pelas oitavas, vitória contra os russos Valeriy Samoday e Taras Myskiv no tie-break, com parciais de 28/30, 22/20, 15/11, em 1h13.

No terceiro jogo do dia, após duas longas batalhas, acabaram superados pelos alemãs Julius Thole e Clemens Wickler por 2 sets a 0 (21/19, 21/9), em 30 minutos de duração, ficando na quinta colocação do torneio quatro estrelas.

Foto: FIVB



Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes