Iniciada a qualificação individual da Ginástica Artística para Tóquio 2020

A qualificação individual para os Jogos Olímpicos de 2020 começou na Copa do Mundo de Aparelhos Individuais da FIG, em Cottbus (GER), neste fim de semana, onde os ginastas conquistaram os primeiros pontos para Tóquio.

Ginastas de 50 nações viajaram para a Alemanha para o primeiro de oito eventos individuais da Copa do Mundo nos próximos 16 meses, o que permitirá que os especialistas se classifiquem para os Jogos Olímpicos de 2020. Por enquanto, apenas três equipes masculinas e três femininas estão garantidas em Tóquio, vagas conquistadas no Mundial de Doha (QAT).

Pela primeira vez, os ginastas poderão se qualificar diretamente para os Jogos Olímpicos através da série da Copa do Mundo da FIG. Nações que qualificarem equipes completas para Tóquio terão a chance de qualificar até duas ginastas adicionais como especialistas através das Copas do Mundo. Além disso, as equipes completas ainda não classificadas terão oportunidade de ganhar vagas durante o Campeonato Mundial de 2019, em Stuttgart (GER).

Através da série da Copa do Mundo, os pontos serão concedidos por colocação em cada aparelho individual. Os 12 melhores ginastas de cada aparelho ganham pontos, com 30 pontos para o primeiro lugar, 25 para o segundo, 20 para o terceiro, e 5 pontos para o 12º lugar.

Com três dos quatro títulos, as brasileiras dominaram a competição feminina e Rebeca Andrade foi a grande vencedora e maior estrela do torneio, conquistando medalhas de ouro no Salto e na Trave e a medalha de prata nas barras assimétricas. Com a nota obtida no salto na Copa do Mundo, Rebeca seria medalhista de prata no mundial de Doha. Além disso, ela bateu a medalhista de prata do mundial de 2017 no mesmo aparelho, a americana Jade Carey (EUA).

A série da Copa do Mundo da FIG continua de 21 a 24 de fevereiro e as brasileiras já começam a corrida olímpica individual nas primeiras colocações.

Foto: CBG

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes