Grand Prix de Patinação Artística - Interanationaux de France: Dia 1

O Internationaux de France, sexta etapa do Grand Prix de Patinação Artística e última antes da final a ser disputada em Vancouver, começou com um dia de muitas surpresas onde prevaleceu a boa execução de elementos sobre o valor de elementos isolados: favoritos como o par Vanessa James e Morgan Ciprés, da França, o norte-americano Nathan Chen e a japonesa Rika Kihira ficaram para trás de execuções com menos saltos difíceis e maior precisão e trabalho de solo. Foi dia de Jason Brown, Mai Mihara e dos russos Boikova e Kozlovskii. Apenas na Dança no Gelo prevaleceu o favoritismo: os franceses Papadakis e Cizeron venceram, mesmo sem chances de chegar às finais.


Masculino:

Um dia em que o capricho na performance fez a diferença: com um programa sem saltos quádruplos mas com bons graus de execução positivos limpo e de alto refinamento estético, incluída uma sequência de passos nível 4 e piruetas de alta precisão, o norte-americano Jason Brown conquistou o primeiro lugar no programa curto do Internationaux de France, com 96.41 pontos. Brown fechou o dia com sua melhor pontuação na temporada e liderando tanto na nota técnica quanto na nota artística, e creditou sua boa performance à força mental e serenidade: "Hoje eu procurei fazer o meu melhor tão calmo, confiante e focado quanto eu pudesse estar e fiz isso ao longo de todo o programa." 

Em segundo lugar ficou o russo Alexander Samarin, que realizou um programa fluente, mas com pequenos erros na execução de pirueta camel e na combinação de um salto quádruplo toe e duplo toe, somando 90.86 pontos. Nathan Chen, dos EUA, vencedor do Skate America e considerado favorito para a prova teve uma queda e sub-rotação severa em um salto quádruplo flip e acabou na terceira posição, com 86.94 pontos, apenas cerca de dois pontos à frente do francês Romain Ponsart.

CLASSIFICAÇÃO - MASCULINO-PROGRAMA CURTO:

1. Jason Brown (EUA) 96.41 pontos
2. Alexander Samarin (RUS) 90.86 pontos
3. Nathan Chen (EUA) 86.94 pontos
4. Romain Ponsart (FRA) 84.97 pontos
5. Deniss Vasiljevs (LET) 82.30 pontos
6. Kevin Aymoz (FRA) 81.00 pontos
7. Boyang Jin (CHN) 79.41 pontos
8. Keiji Tanaka (JPN) 79.35 pontos
9. Dmitri Aliev (RUS) 75.15 pontos
10. Daniel Samohin (ISR) 72.33 pontos
11. Nicolas Nadeau (CAN) 61.46 pontos


Dança no Gelo:

Mesmo sem chances de chegar a final do Grand Prix por causa de uma ausência por contusão no NHK Trophy, os franceses Gabriela Papadakis e Guillame Cizeron, medalhistas de prata nas Olimpíadas de PyeongCheng mostraram por que eram considerados favoritos incontestáveis ao título: com uma performance irrepreensível, e única a conquistar notas 10 dos juízes na parte artística, ficaram em primeiro lugar, mais de 6 pontos à frente dos russos Victoria Sinistina e Nikita Katsalapov, medalhistas de prata no Skate Canada, que surpreenderam com uma apresentação dramática e ousada.

O terceiro lugar no dia ficou com os canadenses Piper Gilles e Paul Poirier, que com uma performance mais fluida e eficiente do que a apresentada no programa curto do Skate Canada conquistaram 74.25 pontos. "Nós realmente aproveitamos nosso tempo e desfrutamos da performance, porque é um programa que nós dois realmente gostamos", explicou Gilles. Os vencedores da NHK Trophy, Kaitlin Hawayek e Jean-Luc Baker, dos EUA ficaram no 4o. lugar com 68.16 pontos. 

CLASSIFICAÇÃO - DANÇA NO GELO - DANÇA RÍTMICA (TANGO)

1. Gabriella Papadakis/Guillaume Cizeron (FRA) 84.13 pontos
2. Victoria Sinitsina/Nikita Katsalapov (RUS) 77.91 pontos
3. Piper Gilles/Paul Poirier (CAN) 74.25 pontos
4. Kaitlin Hawayek/Jean-Luc Baker (EUA) 69.85 pontos
5. Olivia Smart/Adrian Diaz (ESP) 68.16 pontos
6. Rachel Parsons/Michael Parsons (EUA) 68.14 pontos
7. Marie-Jade Lauriault/Romain Le Gac (FRA) 64.94 pontos
8. Betina Popova/Sergey Mozgov (RUS) 63.64 pontos
9. Allison Reed/Saulius Ambrulevicius (LTU) 59.77 pontos
10. Adelina Galyavieva/Louis Thauron(FRA) 55.21 pontos


Feminino:

Outro momento em que a  execução fez a diferença: num dia com muitos erros maiores, a japonesa Mai Mihara fez um programa de boa precisão, com apenas um erro pequeno em um salto triplo toe e liderou o programa curto, com 67.95 pontos. O segundo lugar ficou com a também japonesa Rika Kihira, vencedora do NHK Trophy, que desta vez não conseguiu executar seu salto triplo axel e ficou com 67.64 pontos.

A russa Evgenia Medvedeva conquistou o 3o. lugar, após um programa tenso onde enfrentou problemas com a estabilidade de alguns saltos. Assim mesmo, a boa execução da coreografia valeu a melhor nota artística do dia e uma soma final de 67.55 pontos, pouco mais de 2 pontos à frente da japonesa Marin Honda.

CLASSIFICAÇÃO - FEMININO-PROGRAMA CURTO:

1. Mai Mihara (JPN) 67.95 pontos 
2. Rika Kihira (JPN) 67.64 pontos
3. Evgenia Medvedeva (RUS) 67.55 pontos
4. Marin Honda (JPN) 65.37 pontos
5. Maria Sotskova (RUS) 61.76 pontos
6. Bradie Tennell (EUA) 61.34 pontos
7. Mae-Berenice Meite (FRA) 60.86 pontos
8. Alexia Paganini (SUI) 56.88 pontos
9. Lea Serna (FRA) 55.31 pontos
10. Stanislava Konstantinova (RUS) 54.91 pontos
11. Laurine Lecavelier (FRA) 51.66 pontos
12. Matilda Algotsson (SUE) 48.58 pontos


Pares:

A jovem dupla russa Aleksandra Boikova e Dmitrii Kozlovskii, medalhistas de prata do Mundial Junior de 2017 não deixou a performance sair do controle, e com limpeza e precisão na execução de seu programa deixou favoritos para trás e terminou o programa curto na liderança, com 68.83 pontos, seu melhor resultado na temporada. O resultado surpreendeu até a eles mesmos, como explicou Kozlovskii na entrevista coletiva após a competição: "Nossa performance foi boa, mas eu nao me sinto no lugar certo agora, sentado aqui ao lado desses grandes esportistas."

O segundo lugar ficou com a dupla da Coréia do Norte, Tae Ok Ryom e Ju Sik Kim, que com um programa executado com firmeza e bem trabalhado com o tempo—é o mesmo apresentado na última temporada e nas Olimpíadas de PyeongCheng—conquistaram 67.18 pontos. A dupla da França, Vanessa James e Morgan Ciprés, vencedora do Skate Canada acabou cometendo erros em saltos e na saída de lançamentos e ficou apenas na 3a. posição, com 65.24 pontos. 

CLASSIFICAÇÃO - PARES-PROGRAMA CURTO:

1. Aleksandra Boikova/Dmitrii Kozlovskii (RUS) 68.83 pontos
2. Tae Ok Ryom/Ju Sik Kim (PRK) 67.18 pontos
3. Vanessa James/Morgan Cipres (FRA) 65.24 pontos
4. Tarah Kayne/Danny O'Shea (EUA) 63.45 pontos
5. Camille Ruest/Andrew Wolfe (CAN) 58.25 pontos
6. Audrey Lu/Misha Mitrofanov (EUA) 56.71 pontos
7. Minerva Fabienne Hase/Nolan Seegert (GER) 52.61 pontos






Foto: AP

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes