Grand Prix de Patinação Artística 2018 - Helsinki Grand Prix: Dia 2

Dia de finais e estreias na etapa do Grand Prix de Patinação Artística de Helsinki, Finlândia. Saíram as decisões das medalhas das categorias Pares, Dança no Gelo e Individual Feminina, com a Rússia ganhando o ouro em todas elas. No Individual Masculino, dia da primeira prova do bicampeão olímpico Yuzuru Hanyu na competição, com direito a quebra de recorde mundial.

Masculino:

A perfeição não é suficiente: ao menos foi o que deu a entender o bicampeão olímpico Yuzuru Hanyu, do Japão, que estreou hoje no Grand Prix com uma apresentação praticamente sem erros e de alto virtuosismo artístico e técnico. Conseguindo de uma vez só a maior nota técnica do dia, a maior nota de componentes artísticos e quebrando o recorde mundial do programa curto estabelecido por outro japonês, Shoma Uno em setembro no Lombardia Trophy por mais de 2,5 pontos, o bicampeão olímpico descreveu sua performance como “apenas aceitável”. 

Em entrevista após a prova, Hanyu declarou que não ficou satisfeito com o fluxo do programa e as entradas e saídas de saltos: “Preciso treinar mais e mais. Eu posso melhorar as aterrissagens e as entradas dos saltos. Eu não estava confiante em fazer os saltos. A performance de hoje no programa curto foi um pouco desafiadora: fiz os saltos mas não posso dizer que foi perfeito”. 

Mais de 13 pontos atrás, o tcheco Michal Brezina confirmou o bom momento com o segundo lugar do dia. Brezina, de 28 anos, um veterano das Olimpíadas de Vancouver comentou a fase de excelentes resultados com humor: “Algumas pessoas dizem que eu sou como o vinho: quanto mais velho, melhor. Mas eu não me sinto como vinho. Quero só fazer meu trabalho.” O chinês Boyang Jin levantou a plateia com uma performance energética de “While My Guitar Gently Weeps”, dos Beatles, mas caiu na combinação de saltos Quad Lutz-Triplo Toeloop e ficou no terceiro lugar.

CLASSIFICAÇÃO - MASCULINO-PROGRAMA CURTO:

1. Yuzuru Hanyu (JPN) 106.69 pontos
2. Michal Brezina (CZE) 93.31 pontos
3. Boyang Jin (CHN) 85.97 pontos
4. Jun Hwan Cha (COR) 82.82 pontos
5. Andrei Lazukin (RUS) 82.54 pontos
6. Mikhail Kolyada (RUS) 81.76 pontos
7. Keiji Tanaka (JPN) 80.60 pontos
8. Alexei Krasnoshon (EUA) 74.05 pontos
9. Alexei Bychenko (ISR) 73.44 pontos
11. Philip Harris (GBR) 58.99 pontos
10. Valtter Virtanen (FIN) 48.16 pontos

Pares:

Mesmo com mais uma queda durante a execução de saltos, os russos Natalia Zabiiako e Alexander Enbert conquistaram o ouro com larga margem de vantagem sobre os italianos Nicole Della Monica e Matteo Guarise, que não foram bem e acabaram com apenas com o terceiro lugar na classificação do dia, e na somatória geral ficaram com a medalha de prata. Apesar das instabilidades no programa livre, os italianos comemoraram: “É nossa primeira medalha de prata no Grand Prix. No ano passado ganhamos nossa primeira medalha, um bronze, então estamos felizes que melhoramos”, disse Nicole Della Monica.

O terceiro lugar ficou com o par russo Daria Pavliuchenko e Denis Khodykin que realizou um programa ousado, com elementos bastante incomuns como saltos triplo flip lado a lado e lançamentos com finalização em triplo flip e triplo toeloop. Conseguiram a segunda melhor marca do dia, mas perderam dos italianos na somatória final.


CLASSIFICAÇÃO - PARES-PROGRAMA LIVRE:

1. Natalia Zabiiako/Alexander Enbert (RUS) 130.92 pontos
2. Daria Pavliuchenko/Denis Khodykin (RUS) 121.81 pontos
3. Nicole Della Monica/Matteo Guarise (ITA) 117.59 pontos
4. Tae Ok Ryom /Ju Sik Kim (PRK) 117.37 pontos
5. Miriam Ziegler/Severin Kiefer (AUT) 112.12 pontos
6. Deanna Stellato-Dudek/Nathan Bartholomay (EUA) 102.77 pontos
7. Miu Suzaki/Ryuichi Kihara (JPN) 99.43 pontos
8. Laura Barquero/Aritz Maestu (ESP) 98.63 pontos

CLASSIFICAÇÃO FINAL – PARES-HELSINKI GRAND PRIX 

OURO - Natalia Zabiiako/Alexander Enbert (RUS) 198.51 pontos
PRATA- Nicole Della Monica/Matteo Guarise (ITA) 185.77 pontos
BRONZE - Daria Pavliuchenko/Denis Khodykin (RUS) 185.61 pontos

4. Miriam Ziegler/Severin Kiefer (AUT) 174.81 pontos
5. Tae Ok Ryom /Ju Sik Kim (PRK) 174.24 pontos
6. Deanna Stellato-Dudek/Nathan Bartholomay (EUA) 159.21 pontos
7. Laura Barquero/Aritz Maestu (ESP) 149.54 pontos
8. Miu Suzaki/Ryuichi Kihara (JPN)  145.65 pontos

Feminino:

Alina Zagitova, da Rússia, confirmou a liderança em um programa quase limpo, e com isso assegurou a medalha de ouro na somatória final. Mesmo com a medalha de ouro, a campeã olímpica de PyeongChang ainda se mostrou ressentida pelo programa curto com erros e lamentou não ter alcançado o padrão que desejava: “Eu não gostei do meu programa curto. O programa livre foi melhor, mas não ideal. Não tive o foco que normalmente tenho e levou um bom tempo para eu conseguir deixar de lado meu programa curto. Eu o analisei por um bom tempo, quase a noite toda. Quando eu acordei, disse a mim mesma que eu tinha que patinar bem para agradar os espectadores”.

O destaque do dia ficou por conta da japonesa Kaori Sakamoto: após uma apresentação muito problemática na sexta que lhe valeu apenas a 7a. colocação, a patinadora de Kobe reagiu e fez a segunda melhor performance do dia, com um programa forte e com ênfase em saltos bonificados na segunda metade. Na somatória perdeu a medalha de prata para a russa Stanislava Konstantinova, mas com o bronze ainda se mantém com chances reais de ir para a final do Grand Prix: “No programa livre eu dei tudo de mim, porque era minha única chance de ir para o pódio. Esqueci sobre o programa curto de ontem”.


CLASSIFICAÇÃO - FEMININO-PROGRAMA LIVRE: 

1. Alina Zagitova (RUS) 146.39 pontos
2. Kaori Sakamoto (JPN) 140.16 pontos
3. Stanislava Konstantinova (RUS) 135.01 pontos
4. Loena Hendrickx (BEL) 128.05 pontos
5. Yuna Shiraiwa (JPN) 127.69 pontos
6. Viveca Lindfors (FIN) 106.67 pontos
7. Rika Hongo (JPN) 105.48 pontos
8. Hanul Kim (COR) 104.77 pontos
9. Daria Panenkova (RUS) 103.25 pontos
10. Emmi Peltonen (FIN) 98.82 pontos
11. Angela Wang (EUA) 95.81 pontos

CLASSIFICAÇÃO FINAL – FEMININO-HELSINKI GRAND PRIX

OURO - Alina Zagitova (RUS) 215.29 pontos
PRATA  - Stanislava Konstantinova (RUS) 197.57 pontos
BRONZE - Kaori Sakamoto (JPN) 197.42 pontos

4. Yuna Shiraiwa (JPN) 191.46 pontos
5. Loena Hendrickx (BEL) 191.22 pontos
6. Daria Panenkova (RUS) 161.48 pontos
7. Hanul Kim (COR) 104.77 pontos
6. Viveca Lindfors (FIN) 159.62 pontos
9. Emmi Peltonen (FIN) 158.72 pontos
10. Rika Hongo (JPN) 156.59 pontos
11. Angela Wang (EUA) 149.57 pontos


Dança no Gelo:

A classificação do programa curto se manteve na soma final, com os russos Alexandra Stepanova e Ivan Burkin ficando com a medalha de ouro com uma apresentação com apelo sensual e alto nível técnico. Os italianos Charlene Guignard e Marco Fabbri, que ficaram com a medalha de prata, fizeram uma performance ágil e com passos complexos, mas acabaram tendo problemas após Guignard tropeçar durante a sequência de passos.

Em terceiro, os norte-americanos Lorraine McNamara e Quinn Carpenter, campeões mundiais júnior de 2016 comemoraram o pódio inédito mesmo com duas penalizações por tempo de levantamentos: “Essa é nossa primeira medalha do Grand Prix, e é algo de que podemo nos orgulhar”, disse McNamara durante entrevista coletiva após o evento.


CLASSIFICAÇÃO - DANÇA NO GELO - DANÇA LIVRE

1. Alexandra Stepanova/Ivan Burkin (RUS) 121.91 pontos
2. Charlene Guignard/Marco Fabbri (ITA) 118.93 pontos
3. Sara Hurtado/Kirill Khaliavin (ESP) 105.84 pontos
4. Lorraine McNamara/Quinn Carpenter (EUA) 105.26 pontos
5. Christina Carreira/Anthony Ponomarenko (EUA) 100.35 pontos
6. Juulia Turkkila/Matthias Versluis (FIN) 97.56 pontos
7. Jasmine Tessari/Francesco Fioretti (ITA) 95.41 pontos
8. Betina Popova/Sergey Mozgov (RUS) 95.21 pontos
9. Katharina Müller/Tim Dieck (ALE) 87.00 pontos
10. Shari Koch/Christian Nüchtern (ALE) 86.91 pontos

CLASSIFICAÇÃO FINAL – DANÇA NO GELO-HELSINKI GRAND PRIX

OURO - Alexandra Stepanova/Ivan Burkin (RUS) 200.09 pontos
PRATA - Charlene Guignard/Marco Fabbri (ITA) 196.29 pontos
BRONZE - Lorraine McNamara/Quinn Carpenter (EUA) 176.66 pontos

4. Sara Hurtado/Kirill Khaliavin (ESP) 172.09 pontos
5. Christina Carreira/Anthony Ponomarenko (EUA) 167.28 pontos
6. Juulia Turkkila/Matthias Versluis (FIN) 160.62 pontos
7. Betina Popova/Sergey Mozgov (RUS) 157.56 pontos
8. Jasmine Tessari/Francesco Fioretti (ITA) 153.89 pontos
9. Shari Koch/Christian Nüchtern (ALE) 143.62 pontos
10. Katharina Müller/Tim Dieck (ALE) 143.59 pontos

Foto: Getty (ISU)

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes