Brasil busca o pentacampeonato na Copa América de Futebol de 7 no Equador

A Seleção Brasileira de futebol de 7 para paralisados cerebrais já está em Quito, no Equador, onde a partir do próximo sábado, 27, começa sua jornada em busca do pentacampeonato da Copa América da modalidade. O Brasil foi campeão no Chile (2002), no Brasil (2007), em Buenos Aires (2010) e em Toronto (2014).

Na última fase de treinamento que aconteceu em setembro, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, os atletas passaram por uma bateria de testes e exames, em busca de uma melhor preparação para encarar a altitude de 2.850m de Quito.  

“Nas primeiras 24 horas na altitude, boa parte da delegação já está se adaptando bem, ingerindo bastante líquido e com uma alimentação balanceada. Mesmo com todos os cuidados, alguns estão sentindo uma dificuldade de respiração e desconforto, o que é normal neste início. Vamos aguardar pra ver como serão os primeiros treinos e jogos, mas estamos monitorando tudo”, destacou o médico da Seleção, Dr. Breno Casari.

O Brasil chegou ao Equador apontado como favorito pelos adversários, mas o técnico Paulo Cabral descarta o favoritismo. “Com a grande mudança que o futebol de paralisados cerebrais está passando na classificação funcional, é difícil eleger um favorito porque as equipes se modificaram muito. Mas o Brasil está em busca da melhor colocação possível.”

O Brasil está no grupo A, junto com o Chile, Canadá e Colômbia. O jogo de estreia será no sábado às 16h (horário de Brasília). Os países que estão no grupo B são Estados Unidos, Venezuela, Argentina e Equador. A competição acontecerá no Estádio Municipal General Rumiñahui, com capacidade para 7.500 pessoas, e se estenderá até o dia 3 de novembro.

O futebol de 7 pc não compõe o programa de provas dos Jogos Paralímpicos Tóquio 2020. No ano que vem, o Brasil defenderá o título de campeão parapan-americano, em Lima, no Peru.

Confira a lista dos 14 atletas brasileiros convocados e dos quatro membros da comissão técnica:


Bruno da Silva Ayva – CEMDEF (MS) 
Dhiego Rezende Rodrigues – CEMDEF (MS) 
Adriano Costa Martins – CEMDEF (MS) 
João Batista Araújo – APBS (SP) 
Lucas Henrique da Silva – ADMC Mogi 
Ubirajara da Silva Magalhães – Vasco da Gama (RJ) 
Evandro de Oliveira Gomes de Souza – Vasco da Gama (RJ) 
Gilvano Diniz da Silva – Vasco da Gama (RJ) 
Jeferson Aparecido Miranda Cardoso – CEPE (SC) 
João Vitor Batista Cortês – CETEFE (DF) 
José Carlos Monteiro Guimarães – AMAPED (RJ) 
Jan Francisco Brito Costa – AMAPED (RJ) 
Lucas Fernando dos Santos – APBS (SP)
Lucas Thiago Correa – APESBLU (SC) 

Foto; CPB/MPIX


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes