Boxe do Brasil conquista ouro e bronze nos Jogos Olímpicos da Juventude

O penúltimo dia dos Jogos Olímpicos da Juventude, disputados em Buenos Aires (ARG), foi especial para o Brasil, pois finalmente saiu o primeiro ouro do país na competição. E também saiu um bronze muito especial. ambas medalhas saíram no boxe.

A primeira medalha do dia foi de Luiz Oliveira, neto de Servílio de Oliveira, conquistou uma medalha de bronze na categoria até 52 kg, 50 anos depois da medalha de bronze do avô, um bronze nos jogos da cidade do México, uma feliz coincidência. Para conseguir a medalha, Luiz superou Patrick Clancy (IRL) por decisão unânime dos juízes.

“Essa medalha é um sonho que consegui realizar e que vai ficar para a história. Cinquenta anos depois, eu consigo conquistar a mesma medalha que meu avô. Estou muito feliz” Disse Luiz, que tem o apelido de 'Bolinha' dado pelo seu avô famoso.

A segunda medalha foi a dourada. Keno Marley derrotou Faird Doubi (ALG) por decisão unânime dos juízes e levou a medalha de ouro na categoria até 75 Kg. O pugilista de 18 anos, fez história e tirou o Brasil do incômodo jejum sem medalhas e pôs o hino brasileiro tocar em Buenos Aires:

"A sensação é demais. É um momento que eu nunca havia passado na vida. Uma medalha muito expressiva para o nosso país, e eu fico muito contente com isso tudo. Foi uma luta difícil como as demais, graças ao trabalho que a gente está fazendo e eu consegui ter um bom desempenho" Disse Marley ao site 'globoesporte.com'  

Com as duas medalhas de hoje, agora o Brasil tem uma medalha de ouro, quatro de prata e sete de bronze. A última chance de medalha do Brasil nos jogos será no futsal masculino, onde a seleção brasileira enfrenta a Rússia na final nesta quinta-feira, último dia dos jogos.


foto: Reprodução/Olympic Channel

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes