Teddy Riner critica duramente corte no orçamento do Ministério de Esportes da França e alerta para 2024

Bicampeão olímpico, o judoca Teddy Riner (FRA) criticou duramente nesta quinta-feira (4) o corte no orçamento do Ministério dos Esportes da França.

O governo aprovou a redução do orçamento do Ministério do Esporte de 480 milhões para 450 milhões de Euros.

Riner, de 29 anos, falou que o governo francês devia manter o seu compromisso e que esse corte comprometeria gravemente a preparação do país e dos atletas para os Jogos Olímpicos de 2024, em Paris (FRA).

O judoca falou a BMF TV que: "Quando falamos de orçamento de esportes, não podemos nos esquecer das promessas que fizemos durante a campanha para sediar os Jogos de 2024.. Quando reduzimos o orçamento, necessariamente muitas coisas serão impactadas."

"Quando mais novo, fui treinado por pessoas e se me torneio o que sou hoje, é graças a elas. Fizemos o possível para receber os Jogos em 2024."

"Normalmente, colocaríamos mais dinheiro para treinar os mais jovens e quando digo os mais jovens, me refiro não apenas aos parisienses e sim que deve ser um legado para todos."

"A França não é uma nação esportiva, se tornou. Mas quando cortamos o orçamento, não injetamos dinheiro para promover os Jogos e é um problema real, porque dissemos coisas e fizemos promessas."

"Temos que achar soluções rapidamente, pois o tempo corre contra a gente", completou o francês.

Foto: Sutton/Panoramic


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes