Pokljuka e Oberhof irão sediar os mundiais de biatlo de 2021 e 2023

Oberhof na Alemanha venceu o resort tcheco de Nové Město na Moravě para garantir os direitos de sediar o mundial de biatlo de 2023, como único candidato Pokljuka na Eslovênia foi confirmado como o local para a edição de 2021 no Congresso da União Internacional de Biatlo (IBU).

Oberhof recebeu 28 dos 49 votos, com Nové Město conseguindo 21 no Congresso em Porec, na Croácia.

A votação ocorreu depois que a IBU adiou uma proposta das Federações Nacionais na Eslovênia, Alemanha e República Tcheca para sediar as edições de 2021, 2023 e 2024 do evento principal da IBU fora dos Jogos Olímpicos, respectivamente.

Todos os três esperavam receber um evento cada no Congresso como parte do acordo.

Nové Město ainda deve receber o Campeonato Mundial de 2024 após a proposta conjunta dos três países.

Pokljuka sendo oficialmente confirmado como anfitrião do evento de 2021 encerra um episódio preocupante para o IBU depois que eles tiraram Tyumen dos direitos de sediamento do evento por conta do escândalo de doping da Rússia no esporte.

O resort esloveno foi inicialmente ignorado para o Campeonato Mundial, perdendo para a cidade russa em uma votação controversa em setembro de 2016.

A IBU ficou sob intensa pressão para tirar Tyumen do evento de atletas e autoridades do órgão governamental mundial, após alegações de doping patrocinado pelo Estado na Rússia.

Novas alegações de corrupção ligadas ao processo de licitação de 2021 surgiram depois que a IBU ordenou que Tyumen devolvesse o direito de sediar o evento.
O presidente da União Norueguesa de Biatlo, Erlend Slokvik, disse à NRK no início deste ano que acredita que foi oferecido dinheiro aos representantes e outros incentivos em troca da votação para o candidato russo.

Documentos obtidos pela emissora norueguesa também indicaram que o ex-presidente da IBU, Anders Besseberg, e a secretária geral, Nicole Resch, revelaram em reuniões com atletas que a votação pode ter sido influenciada.

Anders e Nicole se afastaram de seus cargos em abril desse em meio à abertura de uma investigação em toda a Europa sobre possível doping, fraude e corrupção envolvendo atletas russos e a invasão da sede do IBU com base em uma denúncia da WADA.

Foto:IBU

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes