Interferência do vento em ginásio de mundial de vôlei gera impasse entre seleções e organização

foi descoberto que a arena de Ruse (BUL) , que sediará os jogos do grupo B, grupo do Brasil, tem um sério problema para o andamento de um jogo de vôlei. Rajadas de ar que saem dos dutos de ventilação da arena estão alterando a trajetória da bola em movimento, segundo reportagem do globoesporte.com

"Estava ligado no início, acho que eles diminuíram. O William logo no início perguntou se eu estava sentindo. Parece que já houve um movimento de todos os treinadores, porque parece que todas as equipes reclamaram. Eles vão ter que tomar cuidado para não apontar esses dutos direto para a quadra, porque é onde bate o vento e pode variar um pouco a bola. Vamos ver o que vai acontecer para quarta" afirmou Bruninho

Segundo o técnico Renan Dal Zotto, todas as seleções do grupo do Brasil também repararam o problema e em conjunto pediram a organização que os dutos de ventilação próximos ao teto, que estão causando o problema, sejam desligado durante o jogo. Mas o pedido pode não ser atendido,pois os dutos de ventilação que ficam embaixo das arquibancadas podem não dar vazão e deixar o ginásio com uma temperatura mais quente do que o aceitável. A previsão é de que amanhã  na hora do jogo do Brasil a temperatura esteja em 26 graus em Ruse.

"Vamos tentar atender, mas não podemos garantir. A arena deve ficar lotada, então a temperatura vai subir. Vamos ver na hora se será possível, mas não temos como garantir." Informou Maksim Kristov, diretor das instalações do ginásio de Ruse.

Brasil estreia amanhã contra o Egito às 14:45 (hora de Brasília)

foto: Divulgação
Com informações do site globoesporte.com

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes