Brasil se despede sem medalhas do Mundial Junior de Luta

O Brasil se despediu fora do pódio no Mundial Junior de Luta, encerrado em Trnava (SVK) no último final de semana.

Thais Oliveira estreou na quinta-feira (20) contra a bielorussa Anastasiya Zimiankova na fase de oitavas de final. Como Ziminakova caiu na fase semifinal, Thais foi impedida de voltar para repescagem. A lutadora se despede da categoria júnior e passar a lutar entre os atletas da categoria etária sênior.  A brasileira começou o combate partindo para cima da adversária, tanto que forçou Zimiankova a sofrer um punição do short clock, quando o atleta possui 30 segundos para pontuar. No segundo final da punição, a bielorrussa conseguiu passar para as costas de Thais e passar a frente do placar, mesmo expediente utilizado para fechar o primeiro round em 4 a 1. 

No segundo período Thais partiu para diminuir a desvantagem. Depois de conseguir passar para as costas da rival e somar dois pontos, a carioca tentou emendar uma cruzeta, mas o árbitro deu o comando para que as duas atletas ficassem de pé. Nos segundo finais, Thais partiu com tudo e tentou seguidas vezes catar a perna da rival que conseguiu se defender e avançou com 4 a 3 para as quartas de finais.

Como Zimiankova perdeu na luta semifinal para a russa Evgeniia Zakharchenko por 4 a 2, Thais não foi repescada.

Na quarta-feira (19), Joilson Júnior O brasileiro não conseguiu avançar na repescagem e acabou batido por superioridade técnica (8 a 0) pelo ucraniano Parvis Nasibov e não pôde disputar a medalha de bronze. Joilson estreou com vitória sobre o húngaro Tibor Gyuerky por 7 a 4, mas nas quartas de finais acabou sofrendo um revés diante do armênio Malkhas Amoyan por superioridade técnica (8 a 0). 

Como Amoyan avançou até a final, Joilson foi repescado para enfrentar o ucraniano Paris Nasibov que venceu e garantiu vaga para disputar a medalha de bronze contra o turco Ismail Gun. Nasibo ficou com o bronze no desempate após 3 a 3. O outro bronze ficou com o iraniano Yousef Fathi. O ouro ficou com Amoyan e a prata terminou com o uzbeque Makhmud Bakhshilloev. Joilson temrinou o torneio na 15º colocação.

Foto: Divulgação


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes