Brasil conquista 16 medalhas no Pan-Americano de Esgrima em Cadeira de Rodas

A Seleção Brasileira de Esgrima em Cadeira de Rodas conquistou 16 medalhas no Campeonato Pan-Americano da modalidade, que aconteceu no último final de semana, 14 a 16, em Saskatoon, no Canadá. Ao todo, 12 atletas representaram o Brasil nesta competição.

Para Ivan Schwantes, técnico nacional da modalidade, estas medalhas representaram o resultado esperado pela delegação para este Regional, já que na modalidade o Brasil é uma potência e referência para os países da América.

“Esses resultados são um bom termômetro para nossas perspectivas de classificação para os Jogos de Tóquio 2020. As vagas serão dadas pelo ranking mundial, mas elas são divididas por região, então a gente tem boas perspectivas para conquistas dessas vagas”, disse Ivan.

O destaque masculino desta competição foi Jovane Guissone, da categoria B, que conquistou três medalhas, sendo duas de ouro – espada e florete – e uma de prata, no sabre, marcando a sua estreia na disputa com essa arma. O destaque no feminino foi Suelen Rodolpho, da categoria A, que foi ouro na prova de espada e bronze no florete.

Em 2018, a Seleção ainda tem duas competições, as Copas do Mundo de Esgrima em Cadeira de Rodas. De 8 a 11 de novembro, em Tbilisi, na Geórgia, e de 13 a 16 de dezembro, em Kyoto, no Japão.

Confira a lista de medalhistas brasileiros no Campeonato Regional das Américas 2018:

Espada feminino A
Suelen Rodolpho – ouro
Carminha de Oliveira – prata


Florete feminino A
Karina Maia – ouro
Suelen Rodolpho – bronze


Espada masculino A
Moacir Ribeiro – ouro
Lenilson de Oliveira – prata


Espada masculino B
Jovane Guissone – ouro
Rodrigo Massarutt – prata


Florete masculino A
Alex Sandro Souza – prata
Fabio Luiz Damasceno – bronze


Florete masculino B
Jovane Guissone – ouro
Luis Vanderson Chaves – prata


Sabre masculino A
Alex Sandro Souza e Fabio Luiz Damasceno – bronze


Sabre masculino B
Jovane Guissone – prata
Rodrigo Massarutt – bronze

Foto: Divulgação


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes