Gabriel Constantino fica em sexto lugar na etapa de Birmingham da Diamond League


Neste sábado (18) foi disputada em Birmingham a décima segunda etapa da Diamond League, a última antes das etapas finais.

Masculino:

A prova dos 110m com barreiras foi vencida pelo espanhol Orlando Ortega, que marcou seu melhor tempo na temporada, com 13.08, seguido do jamaicano Ronald Levy (13.22) e do francês Pascal Martinot-Lagardw (13.27). A prova contou com o brasileiro Gabriel Constantino, único atleta do país a participar da etapa e que fez sua estreia na Diamond League. Constantino ficou em sexto lugar, com o tempo de 13.41.

A prova dos 100m rasos foi decidida no photo finish, em que no final a vitória ficou com o americano Christian Coleman, sua segunda na temporada, seguido do britânico Reece Prescod e do americano Noah Lyles. Nos 400m rasos, os três primeiros foram separados por apenas oito centésimos, com a vitória ficando com o americano Fred Kerley, sua segunda na temporada, com o tempo de 45.54, seguido do britânico Matthew Hudson-Smith e do americano Paul Dedewo.

Nos 800m rasos, o pódio foi todo queniano, com a vitória ficando mais uma vez com Emmanuel Korir, que bateu o recorde do meeting, com 1:42.79, seguido dos compatriotas Jonathan Kitilit (1:43.53) e Elijah Manangoi (1:44.15). Já nos 3.000m com obstáculos, o Quênia ficou com dois lugares no pódio, com a vitória ficando com Conseslus Kipruto, com o tempo de 8:14.33 e seu compatriota Nicholas Bett ficou em terceiro. O "intruso" foi o etíope Chala Beyo, que ficou em segundo.

No salto em altura, a vitória ficou com o australiano Brandon Starc, que saltou para 2.33m, sua melhor marca pessoal. O canadense Michael Mason e o americano Jeron Robinson completaram o pódio. E no lançamento do dardo, a Alemanha fez dobradinha, com a vitória ficando com Andreas Hofmann, com a marca de 89.82m, seguido do compatriota Julian Weber, com 86.63m, sua melhor marca na temporada. O estoniano Magnus Kirt ficou em terceiro (85.31m).

Feminino: 

Nos 200m rasos, a bahamense Shaunae Miller-Uibo conquistou sua terceira vitória na temporada, com o tempo de 22.15, recorde do meeting, seguida da britânica Dina Asher-Smith (22.31) e da holandesa Dafne Schippers (22.41). Nos 1.500m, a vitória ficou com a holandesa Sifan Hassan, com o tempo de 4:00.60, seguida da etiope Gudaf Tsegay (4:01.03) e da polonesa Sofia Ennaoui (4:02.06).

Nos 400m com barreiras, a vitória ficou com a suíça Léa Sprunger, com o tempo de 54.86, apenas cinco centésimos à frente da jamaicana Janieve Russell, com o terceiro lugar ficando com a britânica Meghan Beesley (55.83). No salto com vara, a americana Sandi Morris conquistou seu terceiro triunfo na temporada, saltando para 4.62m, seguida das gregas Katerina Stefanidi e Nikoleta Kiriakopoulou.

No arremesso de peso, a alemã Christina Schwanitz conquistou sua segunda vitória na temporada, com a marca de 18.20m, seguida da polonesa Paulina Guba (17.92m) e da holandesa Melissa Boekelman (17.78m). A Alemanha se deu bem também na prova do salto em distância, em que Malaika Mihambo batendo o recorde do meeting, saltando para 6.96m, superando em dezesseis centímetros a colombiana Caterine Ibarguen. A britânica Shara Proctor completou o pódio.

Nos dias 30 e 31 de agosto serão realizadas as etapas finais, que decidirão o diamante, sendo Zurique a sede no dia 30 e Bruxelas no dia 31. Os brasileiros Darlan Romani, Andressa de Morais e Thiago Bráz estão qualificados para as finais.

Foto: Divulgação


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes