Com três medalhas em três provas no mundial, Isaquias Queiroz diz que não conseguiu se inscrever na quarta prova a tempo

Isaquias Queiroz foi o grande destaque brasileiro no mundial de canoagem sprint disputado em Montemor-o-Velho (POR), com três medalhas. Mas poderia ser quatro, se o Isaquias conseguisse se inscrever a tempo na prova do C1 5000m.

"Em 2013 tive um ótimo resultado(No C1 5000m). De lá para cá remei outras provas, mas era muito desgastante. Quando chegou mais próximo Jesus falou: “Chega de 5000 para você não se lesionar nem nada”. Aí esse ano eu pensei “Se eu puder ganhar medalha no C1 1000, C1 500, C2 500, quem sabe eu posso ganhar medalha nos 5000 e sair com quatro medalhas?" disse Isaquias ao site globoesporte.com

O plano falhou pois quando ele teve a liberação de seu técnico Jesus Morlán, já era tarde, pois o limite de inscrição das provas era até 15 de agosto. para o técnico, não haveria problema já que o mundial desse ano não garantiu bagas para olimpíadas e logo depois do mundial, Isaquias teria merecidas férias

"Ele me perguntou se podia, e como está fora do programa olímpico não atrapalha, então pode. Claro que se cansa mais, mas já vai estar de férias, então não me importa. Se quiser fazer mergulho, fazer triatlo, não me importa." explicou

Com dez medalhas em mundiais com apenas 24 anos, Isaquias sabe que tem condições de buscar mais: "Acho pouco, quero aumentar mais ainda. Espero (em 2019) colocar mais uma de ouro no C2 1000 como em 2015. Agora é focar na preparação para a vaga." concluiu


foto: Rodolfo vilela/rededoesporte.gov.br

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes