IAAF mantém a suspensão da Rússia no atletismo

A entidade que rege o atletismo mundial manteve nesta sexta-feira (27) a proibição da Rússia de competir no atletismo, apenas 10 dias antes do início do Campeonato Europeu em Berlim.

"O Conselho da IAAF adotou por unanimidade a resolução de que a RUSAF (Federação Russa de Atletismo) não será reintegrada neste momento", disse Rune Andersen, chefe da equipe russa da força-tarefa da IAAF.

Andersen, no entanto, disse que houve muito engajamento significativo da RUSAF, que fez melhorias significativas no cumprimento dos requisitos de reintegração.

"Em alguns casos, eles foram além do que é necessário", disse o norueguês, acrescentando que a conclusão é que a RUSAF não será restabelecida neste momento, com mais progressos a serem feitos.

Andersen disse que, para a Rússia ser restabelecida, idealmente na próxima reunião do Conselho da IAAF em Mônaco, em dezembro, após uma reunião da WADA em setembro, três demandas devem ser atendidas. Em primeiro lugar, a RUSAF deve pagar os custos incorridos pela IAAF após o escândalo de doping, notadamente o estabelecimento da força-tarefa.

A Agência Russa Antidoping (RUSADA) também deve ser reintegrada pela Agência Mundial Antidoping (WADA), com um requisito fundamental sendo o reconhecimento por Moscou de que o ministério de oficiais esportivos orquestrou o doping de atletas russos. E, finalmente, as autoridades russas devem dar acesso aos testes de doping realizados no laboratório da RUSADA em Moscou entre 2011-15.

O presidente da IAAF, Sebastian Coe, acrescentou: "Progressos foram feitos em áreas-chave. Ainda há algumas lacunas a serem preenchidas. Trouxemos a mudança e a mudança é muito viável. Mas ainda não estávamos naquele ponto em que todos os critérios (de reintegração) haviam sido atendidos".

O presidente da Federação Russa de Atletismo, Dmitry Shlyakhtin, disse que esperava notícias melhores.

"Estamos decepcionados com a decisão tomada hoje pelo Conselho da IAAF", disse Shlyakhtin, segundo a agência de notícias TASS. "Não posso esconder que estávamos contando com uma decisão positiva, em uma restauração parcial da federação russa de atletismo. Infelizmente, isso não aconteceu. Continuaremos, no entanto, a trabalhar para a restauração da federação".

Foto: AFP


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes