Brasil vai à Colômbia em busca do vigésimo título no Sul-Americano feminino Sub-18 de vôlei feminino

A partir do domingo (08.07), a cidade colombiana de Valledupar será o palco do campeonato Sul-Americano sub-18 feminino de voleibol. A competição garantirá os três primeiros colocados no mundial da categoria em 2019. O Brasil é o maior vencedor com 19 títulos. Nesta edição serão oito seleções divididas em dois grupos com quatro em cada.

A equipe brasileira está no grupo A com a anfitriã Colômbia, Chile e Equador, adversário na estreia, às 20h (horário de Brasília), no domingo. O grupo B é formado por Argentina, Peru, Bolívia e Uruguai. Os dois melhores em cada chave avançam para as semifinais. A decisão será no próximo dia 12 de julho.

“Não temos muita informação sobre o Equador, já que é uma equipe que há muito tempo não participa de competições internacionais. O Chile tem feito um trabalho muito bom, tem evoluído ao longo dos últimos anos. Já a Colômbia, dona da casa, cresceu e hoje reveza com Argentina e Peru a posição de segunda força do continente. Sabemos que tem uma jogadora muito boa que já integra até a seleção adulta. Temos as melhores expectativas em fazer um bom campeonato e conseguir a classificação para o mundial, que é o nosso principal objetivo”, comentou o técnico do Brasil, Hairton Cabral.

O time brasileiro vai para a Colômbia com a seguinte equipe: as levantadoras Isis Simonetti (1,71m) e Beatriz Silveira (1,76m); as opostas Carol Grossi (1,90m) e Ana Cristina Souza (1,90m); as centrais Deborah Ribeiro (1,80m), Milena de Souza (1,77m) e Julia Kudiess (1,87m); as ponteiras Stephany Morete (1,78m), Vitória Parise (1,79m), Ana Cecília Lopes (1,76m) e Gabriela Santin (1,72m); e a líbero Letícia Moura (1,59m).

SUL-AMERICANO SUB-18 FEMININO
08.07 Brasil x Equador – 20h
09.07 Brasil x Chile – 20h
10.07 Brasil x Colômbia – 22h

Foto: CBV


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes