Após disputar a etapa da Itália da World Series de Paratriatlo, Seleção Brasileira retorna a Portugal para treinamento

No último sábado, 30, a Seleção Brasileira de Paratriatlo participou da etapa de Isseo da World Series, o circuito mundial da modalidade. A competição na distância sprint (750m de natação, 20km de ciclismo e 5km de corrida) foi uma das mais competitivas da temporada e os atletas do velho continente acabaram dominando o pódio. 

Marcelo Collet conquistou o melhor resultado do Brasil, quinto lugar com o tempo de 1h08min35, na categoria PTS4, que teve ainda Jorge Fonseca na sexta posição com 1h09min18. Carlinhos Viana (PTS5) foi o brasileiro mais rápido a concluir o percurso em 1h04min03, mas ficou em sexto lugar. Já Fernando Aranha (PTWC) foi o sétimo colocado com 1h12min19, enquanto André Barbieri (PTS2) terminou na nona posição com 1h18min04.

"Essa prova de Iseo, juntamente com a de Yokohama, que ocorreu no mês de abril, e a próxima parada em Edmonton, no Canadá, são as etapas que mais somam pontos para o ranking mundial e logicamente atraem os atletas mais fortes da modalidade. Acredito que todos foram muito bem diante de adversários de alto nível. Agora é fazer os ajustes finais para garantir a classificação para a Grande Final do Mundial em setembro", avalia Rivaldo Martins, gerente de Paratriathlon da CBTri. 

A equipe brasileira agora retorna para o Complexo Desportivo de Rio Maior, em Portugal, onde estava desde o dia 23 de junho, uma das instalações esportivas mais modernas do mundo, para mais algumas semanas de treinamento. Após o intercâmbio, entre os dias 27 e 29 de julho, o grupo disputa a última etapa da Paratriathlon World Series, em Edmonton, no Canadá.

Foto: Divulgação


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes