Seleção Brasileira de vôlei sentado encerra treinamentos no CT Paralímpico em preparação para o Mundial

A Seleção Brasileira masculina de vôlei sentado realizou até o sábado, mais uma fase de treinamento no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. A equipe usou a estrutura do local a fim de se preparar para o Mundial da modalidade, que acontece de 15 a 22 de julho, em Haia, na Holanda.

Participam desta etapa 14 atletas, mas viajarão ao Mundial apenas 12.  A Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes (CBVD) divulgará a convocação final após o término desta fase de treinamento.

O Brasil, que caiu no grupo C, já sabe quais serão os seus primeiros adversários na competição: Ucrânia, Cazaquistão e Croácia. Na estreia, marcada para 15 de julho, a equipe  enfrenta os croatas. 

“Não existe jogo fácil. Todos vão fortes para o Mundial. As Seleções mais preparadas, na nossa visão, são Irã, grande favorita ao título, Bósnia, Rússia e até o próprio Egito. Nós vencemos o Egito no Desafio Internacional de Vôlei Sentado, em maio, no CT, mas, em Mundial, o nível de jogo é diferente”, comentou o técnico da Seleção Brasileira masculina de vôlei sentado, Célio César Mediato.

Apesar de ainda estar se adequando às novas regras da classificação funcional internacional do vôlei e de ter alguns jogadores em condições de revisão, a coordenação da modalidade garante que isso não vai interferir na convocação.  

“Vamos correr o risco de levar atletas que estão em revisão e podem se tornar inelegíveis, como o Fred e o Leandro. Mas o nível técnico deles é alto para deixá-los de fora da competição. Vamos sabendo que podemos perder algum jogador antes mesmo do início, caso ele se torne inelegível e, no fim, ter 11 e não 12 atletas”, declarou o técnico. 

Na Holanda, os jogadores passarão por uma banca de classificação funcional e serão submetidos a uma nova avaliação para definição de suas classes.

Antes do Mundial, a equipe ainda treina de 6 a 11 de julho no CT.  Nesta mesma época, a Seleção feminina também estará presente. Depois, todos embarcam para a Holanda. 


Os finalistas do Mundial de vôlei sentado garantem vaga nos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020. No ano que vem, as equipes terão outra oportunidade de conquistar um lugar no Japão nos Jogos Parapan-Americanos de Lima 2019, no Peru. Nos Jogos Paralímpicos do do Rio, a Seleção masculina do Brasil terminou em quarto lugar, ao perder para o Egito a disputa do bronze.

Foto: MPIX/CPB


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes