Manoel Messias e Luisa Baptista são campeões do Pan-Americano de Triatlo

Na disputa do Campeonato Panamericano de Triatlo, disputado em Brasília no sábado (23), o Brasil fez barba, cabelo e bigode, co Luísa Baptista venceu a prova feminina, enquanto Manoel Messias levou o título na  prova masculina.

Outros destaques foram o terceiro lugar de Reinaldo Colucci na competição masculina e de Vittoria Lopes no sub-23 feminino.

O clima no Planalto Central estava favorável e o Brasil contava com seus principais atletas na busca por pontos importantes no ranking que pode levar aos Jogos Olímpicos de Tóquio2020. Mas os atletas mexicanos também chegaram com muita força no páreo, sem brecha para erros por parte dos brasileiros.

Na prova feminina, Vittória Lopes confirmou a boa natação e foi a primeira a sair da água com uma vantagem de aproximadamente 20 segundos para o primeiro pelotão. 

A cearense pedalou sozinha ampliando a distância para as adversárias, mas na segunda volta do ciclismo, a brasileira foi capturada pelo grupo principal, deixando a prova indefinida até a corrida. Luísa Baptista protagonizou uma bela disputa contra quatro mexicanas e na volta final acelerou o passo, conquistando a medalha de ouro na elite. 

Cecília Perez ficou com a prata e Vanesa De La Torre foi terceira colocada geral e campeã da Sub23. 

"Consegui administrar bem. É uma prova muito importante, que vale bons pontos no ranking olímpico. A Vittora foi fundamental pra essa conquista, puxando o ritmo no início. Espero continuar bem até os Jogos olímpicos", contou Luísa. 

Adrenalina e estratégia marcaram a prova masculina. Tanto na natação como no ciclismo, um grupo de aproximadamente 7 a 8 atletas se revezava entre as primeiras posições. Mas nos quilômetros finais do ciclismo, Reinaldo Colucci conseguiu escapar e saiu para correr com quase um minuto de vantagem para o segundo colocado. Porém, o brasileiro que ja participou de duas olimpíadas não teve vida fácil e logo foi alcançado.

Manoel Messias fez uma prova de recuperação fantástica e a poucos metros da linha de chegada encaixou um belo sprint garantindo título no masculino - e de quebra o bi na categoria sub-23 - deixando o mexicano Crisanto Grajales, campeão do Pan 2015, com a segunda colocação. Reinaldo Colucci cruzou em terceiro e ficou com o vice-campeonato na elite. 

"A prova foi muito dura, mas faz parte do triathlon. Brasília é o cenário ideal para grandes provas, é bastante desafiadora, o percurso atende muito bem. Agora vou descansar um pouco depois embarco para a Europa, onde participo de 3 provas do circuito mundial", contou Messias, que celebrou o bicampeonato na sub23.

A competição, que conta com a participação de atletas de 17 países, incluíndo o Brasil, segue no domingo (24) na Orla da Ponte JK, com as categorias de idade (age group) e junior competindo na distância sprint - 750m de natação, 20km de ciclismo e 5km de corrida. A entrada é gratuita. 

Foto: Divulgação


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes