Surto de olho na Rússia: Croácia deve fazer boa Copa do Mundo


Desde que se separou da Iugoslávia em 1991, a Croácia jogou quatro mundiais, sendo o primeiro deles em 1998, onde fez história ao chegar no terceiro lugar, fazendo uma das melhores estreias de uma seleção em Copas do Mundo. O país vai para seu quinto torneio e busca passar ao mata-mata novamente, o que não ocorre desde sua estreia.

No mundial jogado na França, o atacante Davor Suker foi o artilheiro daquela competição e o principal personagem da seleção croata que chegou longe. Dos sete jogos disputados, o camisa nove marcou seis vezes. Na primeira fase, marcou na estreia contra a Jamaica nos 3x1 e foi decisivo contra o Japão marcando o único gol do jogo. Passou em branco diante dos argentinos mas garantiu a vaga ao mata-mata.

Continuou surpreendendo junto do país fazendo o gol de pênalti da vitória contra a Romênia por 1x0 e fez o último gol dos 3x0 feitos na Alemanha. Na semifinal foi o ''Sukerman'' que abriu o placar, mas a Croácia levou a virada da França. Na disputa do terceiro lugar, marcou seu sexto gol em Copas contra a Holanda, fazendo o gol do 2x1 e garantiu a seleção no pódio.


Última Copa e Eliminatórias

Na Copa de 2014, no jogo de abertura na Arena Corinthians, em São Paulo, Croácia enfrentou os donos da casa e abriram o placar com gol contra de Marcelo, mas logo viraram com dois gols de Neymar e Oscar. 

A recuperação veio com goleada em Camarões por 4x0. Vencer o México era obrigação para passar de fase, mas dos 27 aos 37 minutos do segundo tempo, as chances se reduziram a zero com o México fazendo três gols. Perisic até marcou mas já era tarde e Croácia voltando mais cedo para casa.


Na campanha que levou o time até a Rússia, foram seis vitórias, dois empates e duas derrotas, tendo a melhor defesa do grupo I, levando apenas quatro gols. Os croatas praticamente garantiram sua vaga no início da eliminatória, onde só foi perder para a Islândia - que terminou como primeira colocada - na sexta rodada, já no segundo turno. Até a derrota foram quatro vitórias e um empate. 

Após a primeira derrota, a vitória pelo placar mínimo em casa contra o Kosovo, não adiantou para ligar o sinal de alerta ao ser derrotada para a Turquia. A vaga na repescagem veio no Estádio Olímpico, em Kiev, vencendo a Ucrânia com dois gols de Kramaric.

A classificação veio logo no primeiro jogo: 4x1 contra a Grécia em Zagreb. O empate em 0x0 só foi um mero detalhe para deixar os croatas mais ansiosos para confirmar a vaga para sua quinta Copa do Mundo.


Surto de olho no craque


Luka Modric faz jus ao número dez que usa pela Croácia. Deve ir para sua terceira Copa do Mundo. É um dos cérebros do meio campo croata. Modrid tem 32 anos e foi revelado pelo Dinamo Zagreb em 2003. Após passagens por Zrinski e Inter Zapresic, amos de seu país natal, foi parar no Tottenham em 2008. Fazendo boas temporadas e sendo um dos destaques do futebol inglês, foi contratado pelo Real Madrid em 2012, onde permanece até hoje.

É importantíssimo no time de Zinedine Zidane, onde pode fazer as funções de meia direita, armador e segundo volante. É muito técnico, podendo quebrar a marcação com um drible ou passe, tendo muita qualidade no atributo. É inteligente taticamente, contribuindo defensivamente na marcação.

Nas eliminatórias, Modric fez um gol e deu três assistências. Devido ao seu desempenho, foi um dos líderes no quesito da seleção ao lado de Rakitic e Vrsaliko. O time dependerá dele para desafiar a cabeça de chave Argentina.

Time titular


Com bons nomes, a Croácia tem como treinador Zlatko Dalic, de 51 anos. O ex-jogador começou a carreira na função no Varteks em 2007, após encerrar a carreira profissional no mesmo clube sete anos antes. Foi auxiliar da seleção croata até 2011, até sair para treinar alguns clubes no país e rodar na Arábia Saudita até 2017, quando foi nomeado treinador da Croácia.

Seu provável time titular deverá ter Subasic, Vrsaliko, Corluka, Lovren, Vida; Rakitic, Modric, Kovavic, Perisic, Brozovic e Mandzukic.

Conclusão

É a seleção croata mais forte desde 1998, quando alcançou o terceiro lugar. Assim como brigaram com a Islândia por uma vaga nesse mundial, devem brigar com ela novamente. Tem futebol para desafiar a seleção argentina. Se chegarem ao mata-mata, não devem chegar longe, mas que a seleção croata tem time para no mínimo as quartas de final, isso ela tem de sobra para fazer uma boa Copa do Mundo.




Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes