Brasil vence 9 jogos na etapa de Huntington Beach do circuito mundial de vôlei de praia

O Brasil largou com quatro vitórias em cinco jogos no torneio feminino da etapa quatro estrelas de Huntington Beach, nos EUA. Dos quatro times envolvidos na disputa, Fernanda/Bárbara (RJ), Maria Elisa/Carol Solberg (RJ) e Taiana/Carol Horta (CE) começaram vencendo nesta quinta-feira (03.05) e já tem adversárias definidas na próxima fase do torneio (Round 3), válido pelo Circuito Mundial de vôlei de praia 2018.

Apenas Ágatha/Duda (PR/SE) tropeçou na estreia, mas elas se recuperaram, venceram horas mais tarde e seguem na disputa, na repescagem.

O torneio continua nesta sexta-feira, com as partidas da repescagem, Round 3 e oitavas de final. A etapa norte-americana é realizada em parceria com a AVP, principal liga norte-americana da modalidade. O sistema é de dupla eliminatória, onde as duplas que ganham, avançam, enquanto quem perder uma vez vai à chave dos perdedores (repescagem), disputa mais jogos e não pode perder novamente.

As campeãs brasileiras Maria Elisa e Carol Solberg largaram bem e foram para a chave das vencedoras ao superarem na estreia as espanholas Angela Lobato e Amaranta Navarro por 2 sets a 1 (19/21, 21/19, 15/10), em 53 minutos.

Quem também chegou embalada em Huntington Beach foi a parceria campeã do SuperPraia no último sábado, em Brasília (DF). Taiana e Carolina Horta superaram na estreia as espanholas Elsa Baquerizo e Liliana Fernandez por 2 sets a 0 (21/12, 21/19), em 34 minutos. Na próxima fase elas encaram as norte-americanas Alix Klineman e April Ross valendo uma vaga nas oitavas de final da competição.

Fernanda Berti e Bárbara Seixas (RJ) também largaram bem e seguiram na chave das vencedoras. Elas superaram as norte-americanas Brittany Howard e Kelly Reeves por 2 sets a 1 (21/18, 15/21, 15/12), em 52 minutos.  Na próxima fase, elas jogam contra as alemãs Victoria Bieneck e Isabel Schneider, buscando vaga nas oitavas de final do torneio.

Já Ágatha e Duda começaram com revés, mas se reergueram. Elas tropeçaram na estreia, ao serem superadas pelas norte-americanas Kelley Larsen e Emily Stockman por 2 sets a 1 (16/21, 21/19, 22/20), em 53 minutos. A derrota passou a dupla para a repescagem, onde elas venceram Lara Dykstra e Sheila Shaw, também dos EUA, por 2 sets a 1 (21/18, 19/21, 15/11), em 44 minutos. Na próxima fase, a dupla encara as japonesas Ishii e Murakami.

As duplas brasileiras do naipe masculino repetiram o feito das mulheres e também largaram bem na etapa quatro estrelas de Huntington Beach, nos EUA. Das seis duplas em ação, cinco estrearam vencendo nesta quinta-feira (03.05) e avançaram ao Round 3 na chave dos vencedores. Ricardo e Oscar (BA/RJ) tropeçaram na estreia, mas venceram horas mais tarde pela repescagem e seguem no torneio californiano.

Alison/Bruno Schmidt (ES/DF), Álvaro Filho/Saymon (PB/MS), Evandro/André (RJ/ES), Pedro Solberg/George (RJ/PB) e Vitor Felipe/Guto (PB/RJ) começaram com vitória e foram para chave dos vencedores, onde o número de jogos para chegar à semifinal é menor.

Campeões do SuperPraia no último domingo (29.05), Evandro e André Stein mantiveram o embalo e venceram os canadenses Nusbaum e Plantinga por 2 sets a 1 (18/21, 21/12, 15/11), em 51 minutos. Na próxima fase eles encaram os noruegueses Anders Mol e Christian Sorum. Se vencerem, estão nas oitavas de final do torneio.

Vitor Felipe e Guto começaram o torneio vencendo os atuais campeões pan-americanos Lombardo Ontiveros e Juan Virgen, do México. Os brasileiros, que passaram uma semana se preparando na Califórnia e não disputaram o SuperPraia, venceram por 2 sets a 0 (21/16, 21/15), em 37 minutos. Eles encaram na próxima rodada os poloneses Losiak e Kantor. Os times nunca se enfrentaram anteriormente.

Único time que largou com derrota, Ricardo/Oscar (BA/RJ) deu a volta por cima e se manteve vivo no torneio. Eles foram surpreendidos na estreia pelos argentinos Azaad e Capogrosso por 2 sets a 1 (18/21, 21/19, 15/13), em 51 minutos.

Já na chave dos perdedores (repescagem), venceram os norte-americanos Chase Budinger, ex-atleta do basquete com passagem pela NBA, e seu parceiro Sean Rosenthal, por 2 sets a 0 (21/13, 21/19), em 33 minutos de partida. Na próxima fase eles encaram os também norte-americanos Billy Allen e Ryan Doherty para seguirem na competição.

Nesta etapa não há limites de duplas estrangeiras e o evento é realizado em parceria com a AVP, principal liga norte-americana de vôlei de praia. Os times campeões na etapa californiana recebem 800 pontos no ranking geral e cerca de R$ 68 mil em prêmios. Ao todo são 150 mil dólares em premiação às duplas participantes.

Foto:FIVB

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes