Brasil conquista o 7° lugar na etapa de Guadalajara pela Copa do Mundo de Ginástica Rítmica


A Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica conquistou um importante resultado na etapa de Guadalajara (ESP) pela Copa do Mundo. A equipe, que ganhou novas integrantes este ano, chegou à final dos cinco arcos após conquistar o 7° lugar nas eliminatórias. Na final, a equipe repetiu a 7ª colocação com a nota de 15.550. O resultado só não foi melhor por conta de uma falha durante a coreografia, que ocasionou um desconto na pontuação.

A medalha de ouro ficou com a Itália somando 21.500, com a prata ficando com a Bulgária (20.350) e o bronze com Belarus (17.800).

Na classificação geral dos conjuntos, o Brasil por pouco também não ficou entre as 8 melhores, terminando em 9° lugar. A competição foi vencida pela Bulgária, com Itália e Rússia completando o pódio.

No conjunto misto, o Brasil ficou em 12° lugar, não avançando para a final, que foi vencida pela Bulgária, seguida da Itália e do Azerbeijão.

A israelense Linoy Ashram e a russa Arina Averina foram os grandes destaques individuais da etapa de Guadalajara, cada uma ganhando dois ouros. A israelense foi ouro no individual geral e na prova da bola, enquanto a russa foi ouro na prova das maças e do arco. Outra russa, Aleksandra Soldatova, foi ouro na prova da fita.

Duas brasileiras disputaram as competições individuais. Natália Gaudio foi 29° na prova do arco, 31° na bola, 36° nas maças, 28° na fita e 31° no individual geral. Já Bárbara Domingos foi 36° no arco, 21° na bola, 47° nas maças, 24° na fita e 30° no individual geral.

Foto: CBG


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes