Atleta transgênero banida da AFLW tenta a glória no handebol australiano

A atleta transgênero Hannah Mouncey sempre adorou jogar handebol e sempre praticou o esporte desde que era garoto.

A atleta transgênero fez manchetes no ano passado depois que a AFL determinou que ela não era elegível para seleção no draft de 2018 da AFLW.

Porém ela está autorizada a jogar na VFL.

"O AFL foi pega no hop um pouco no ano passado e é o que é. É um novo espaço", disse Mouncey.

Mouncey afirmou que o handebol sempre a abraçou independente do gênero.

A presidente do Handebol, Victoria Kristen Lange, disse estar orgulhosa por fazer parte de um esporte tão inclusivo, que ela disse estar crescendo a cada ano.

"Todos os jogadores vêm em todas as formas e tamanhos. Como um jogador mais alto ou talvez maior, é difícil. Hannah é um pouco mais alta, ela pula um pouco mais alto. Portanto, você precisa ir mais longe, mais rápido para impedi-la de progredir."

A força e o tamanho de Mouncey não são vistos como uma vantagem injusta, mas sim como aspectos que as suas oponentes devem levar em conta para impedir ela de fazer grandes partidas.

Atualmente Mouncey está treinando com a equipe de handebol da Austrália e espera que o país consiga a classificação para o mundial e a atleta espera ser liberada pela IHF para poder atuar na competição caso a Austrália se qualifique.

Foto:Cameron Best


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes