Ucrânia vai disputar Europeu de Luta na Rússia após retirada da proibição do governo

A proibição de atletas ucranianos competindo em eventos na Rússia foi suspensa pelo Ministério da Juventude e Esporte do país depois que a equipe de luta livre do país confirmou que participaria do Campeonato Europeu, a ser realizado em Kaspiysk.

O governo ucraniano anunciou um boicote as competições na Rússia no mês passado por conta de um escândalo de doping e o conflito que há entre os dois países.

A Associação de Wrestling Ucraniana anunciou no início desta semana, no entanto, que enviaria uma equipe para o Campeonato Europeu, que acontecerá de 30 de abril a 6 de maio, apesar da proibição do governo.

Ao invés da proibição o governo disse que não recomenda que atletas ucranianos dispute torneios na Rússia.

A participação da Ucrânia no Campeonato Europeu de Wrestling foi elogiada pelo presidente da Federação Russa de Wrestling, Mikhail Mamiashvili.

"Estamos muito ansiosos para receber atletas da Ucrânia como o resto dos atletas e convidados do torneio", disse Mamiashvili à agência de notícias estatal russa TASS.

"Forneceremos as condições de acomodação mais confortáveis, bem como as instalações de treinamento, e ajudarão nas questões relativas à participação no torneio.

"A decisão de chegar ao torneio foi tomada pela maioria dos atletas, treinadores e especialistas ucranianos, já que eles não querem fazer parte de ações pseudo-políticas."

"Acredito que foi a decisão acertada dos nossos colegas ucranianos para vir ao torneio e estamos antecipando a sua chegada."

O desenvolvimento vem depois que o presidente da United World Wrestling, Nenad Lalovic, recentemente eleito membro do Comitê Executivo do Comitê Olímpico Internacional, alertou os países contra o boicote a eventos esportivos.

Ao anunciar o boicote em março, o ministro da Juventude e Esportes da Ucrânia, Ihor Zhdanov, afirmou que a Rússia era um país "agressor" e que "os infratores devem ser expulsos da arena esportiva global".

Ele alertou que a tensão política entre os dois países após a Rússia anexou o território disputado da Criméia em 2014 tornou "perigoso" para os atletas da Ucrânia.

Foto:Getty Images

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes