Estudantes aprovam Centro de Formação Esportiva do CPB em São Paulo

O Centro de Formação Esportiva, realizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em São Paulo, proporciona aos estudantes que integram o projeto as primeiras oportunidades da prática esportiva. As atividades, que estão em sua segunda semana, no Centro  de Treinamento Paralímpico, na capital paulista, têm como objetivo promover a iniciação de crianças com deficiência física, visual ou intelectual na faixa etária de 10 a 17 anos em oito modalidades paralímpicas: atletismo, bocha, futebol de 5, goalball, judô, natação, tênis de mesa e vôlei sentado.

Entre os iniciantes do tênis de mesa está Marcos Levi da Silva, 13, morador de Diadema, na Grande São Paulo. Ele nasceu com má formação dos membros inferiores. “Eu sempre quis praticar esportes. A minha mãe tentou me colocar em várias escolas, mas não conseguia, então me apareceu esta chance”, relatou o estudante, que também quer experimentar natação e vôlei sentado.


Já Júlia de Oliveira, 11, tem autismo e está conhecendo o goalball, modalidade praticada para pessoas com deficiência visual. “Quando vim pela primeira vez, fiquei com medo porque a gente precisa jogar com uma venda. Por isso o jogo é bem silencioso e eu estou prestando mais atenção na minha audição, o que é muito legal”, contou Júlia, que também é moradora de Diadema.

Na pista de atletismo do CT Paralímpico, Arthur Cardoso, 11, empolga-se por experimentar a modalidade do seu ídolo, o jamaicano Usain Bolt, velocista oito vezes campeão olímpico. “O que eu mais gostei de fazer foi o revezamento, mas eu quero tentar outros esportes. Gosto muito de nadar, correr e fazer um monte de coisa, só não sei jogar futebol ainda”, disse o paulistano, que tem baixa visão devido à hipoplasia do nervo óptico.


Podem participar do Centro de Formação Esportiva promovido pelo Comitê Paralímpico Brasileiro apenas os residentes na cidade de São Paulo ou nos municípios vizinhos, e que estejam matriculadas em rede de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). As atividades são realizadas no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. O projeto espera atender 350 crianças nesse semestre, com a possibilidade de chegar até 500.

As inscrições podem ser feitas pelo e-mail formacaoesportivaparalimpica@cpb.org.br, contendo idade, tipo de deficiência e a cidade de residência ou pessoalmente no CT Paralímpico (Rodovia dos Imigrantes, km 11.5, São Paulo), com o departamento de Coordenação de Esporte Escolar. 

Foto: MPIX/CPB


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes