Confira como será o sistema de qualificação do Badminton para Tóquio 2020


A Federação Mundial de Badminton divulgou o sistema de qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. A competição terá a participação de 172 atletas (86 homens e 86 mulheres) em 5 categorias: Simples Masculino e Feminino, Duplas Masculinas e Femininas e Duplas Mistas. Cada país poderá levar no máximo 8 atletas por gênero somados os 5 eventos. 

A principal forma de conseguir a vaga olímpica será através do ranking mundial de 30 de abril de 2020. Os torneios de simples terão a participação de 38 atletas. O Japão, país-sede, tem um atleta com vaga garantida no masculino e outro no feminino. Além disso, ganharão diretamente a vaga os 34 melhores ranqueados, respeitando o limite de vagas por país. Os países que tiverem atletas entre os 16 primeiros colocados, terão direito a 2 vagas. Em cada torneio de simples, haverá pelo menos um atleta de cada um dos cinco continentes. As três últimas vagas serão distribuídas através de convite.

Já os torneios de duplas terão a participação de 16 parcerias em cada evento. O ranking de 30 de abril de 2020 também será o critério utilizado para o preenchimento das vagas. As 16 duplas melhores ranqueadas, respeitados os limites de vagas por país, ganharão a vaga olímpica. Além disso, em cada torneio de duplas haverá pelo menos um dupla de cada um dos cinco continentes, desde que esta dupla esteja classificada no Top 50 do Ranking Mundial da BWF.

Foto: Divulgação



Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes