Com presença de campeões olímpicos, Troféu Brasil de Natação começa na terça-feira no Rio de Janeiro

A competição mais importante da natação do Brasil vai começar. A partir da próxima terça-feira (17), os maiores nomes da modalidade no país e no mundo estarão no Parque Aquático Maria Lenk para a disputa do Troféu Brasil de Natação. O torneio reunirá 328 atletas e 38 clubes em seus cinco dias de disputa.

Mais importante do calendário da natação, o Troféu Brasil - Maria Lenk terá um peso grande tanto para os nadadores da categoria Sênior, quanto para os mais novos. O torneio será classificatório para o Pan-Pacífico, para o Campeonato Sul-Americano de Desportos Aquáticos e para os Jogos Olímpicos da Juventude.

Entre os principais nomes da competição, estão os campeões olímpicos Cesar Cielo, que nadará novamente pelo Pinheiros, Ruta Meilutyte, que atuará pelo Clube de Regatas Flamengo, e a holandesa Sharon Van Rouwendaal, campeã nas maratonas aquáticas que representará a Unisanta nesta temporada. Além deles, os brasileiros medalhistas de Budapeste: Ana Marcela Cunha, Bruno Fratus, Nicholas Santos, Gabriel Santos, João Gomes Júnior e Marcelo Chierighini cairão na água a partir de terça-feira.

“O Maria Lenk 2018 marca uma nova era dentro da natação brasileira, resgatando valores perdidos e trazendo uma intenção de fazer uma grande natação para o Brasil, formando grandes seleções e grandes atletas. Isso reflete que atletas de renome internacional vêm disputar essa competição, mostra a importância do torneio no circuito dos atletas”, disse o supervisor de natação da CBDA, Gustavo Otsuka.

Este será o primeiro Troféu Brasil – Maria Lenk da nova gestão da CBDA. Em 2018, a expectativa da entidade é que grandes passos sejam dados por atletas que possam figurar entre os melhores do mundo nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

“O Troféu Brasil deste ano tem todos os ingredientes que os amantes da natação querem. Tem a presença de três campeões olímpicos, medalhistas do último mundial, disputa acirrada entre os clubes, a formação de três seleções brasileiras e, pela primeira vez, a seleção brasileira principal sairá de seletiva única, na final da competição. Como se não bastasse, é o primeiro TB da nova gestão. Imperdível”, falou o diretor geral de esportes da CBDA, Renato Cordani.

Foto: Divulgação


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes