Bobsledder da Jamaica solicita teste de amostra B de exame antidoping

Uma das membros da equipe jamaicana de bobsled feminino que teve um teste anti-doping adverso para uma substância proibida antes dos Jogos Olímpicos solicitou que sua amostra B fosse testada, disse a IBSF em um comunicado.

"Uma vez que o resultado da amostra B for disponibilizado a IBSF, todos os documentos serão analisados ​​pelo Comitê de Caso Positivo da IBSF e as próximas etapas do processo serão tomadas", finalizou o comunicado da entidade.

A equipe jamaicana finalizou a prova na 19ª colocação e era composta pela norte-americana Jazmine Fenlator-Victorian e pela ex-velocista Carrie Russell.

Russel recusou a falar do assunto quando foi contada pela agência de notícias reuters, enquanto Fenlator-Victorian disse que a responsabilidade em resolver o caso é da IBSF.

Fontes com conhecimento no caso disseram que a amostra A teve vestígios de clenbuterol.

Foto: Getty Images/AFP


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes