Atletas paralímpicos e olímpicos duelam no Desafio de Atletismo CBAt/CPB


A primeira edição do Desafio de Atletismo CBAt/CPB foi realizada na manhã do último domingo, 25, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. Inscreveram-se para a competição cerca de 280 atletas, sendo 56 deles paralímpicos. A competição, que reuniu atletas olímpicos e paralímpicos, contou com a presença dos medalhistas paralímpicos Verônica Hipólito (classe T38), Lorena Spoladore (T11), Felipe Gomes (T11) e Alan Fonteles (T62)
 
“Este evento é uma nova iniciativa do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em parceria com a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), para realizar uma grande competição, buscando uma integração e desenvolvimento tanto dos olímpicos quanto dos paralímpicos. Acreditamos que, com esse formato de evento, a gente consiga fazer com que nossos atletas tenham o melhor preparamento possível para as competições que deste ciclo”, destacou Jonas Freire, diretor-técnico adjunto do CPB.
 
Os atletas paralímpicos e olímpicos correram lado a lado nas provas de pista, o que foi uma experiência inédita para alguns deles. “A competição está muito boa, eu nunca tinha competido com paralímpico e olímpico junto. É legal competir assim, eles são bem animados e dão uma força”, comentou Vitor Hugo, velocista olímpico que competiu a prova dos 100 metros.
 
“Essa foi uma experiência muito gostosa e divertida. Eu espero que essa integração seja a primeira de muitas. Teve uma época em que realmente tinha uma separação entre olímpicos e paralímpicos, em que os paralímpicos eram subestimados por algum olímpicos, e olímpicos eram superestimados por alguns paralímpicos, mas hoje não teve isso, hoje estava todo mundo junto, vendo o outro como competidor, como atleta de alto rendimento”, disse Verônica Hipólito, que ficou em quarto lugar na prova de salto em distância.
 
Alan Fonteles também concorda que essa iniciativa foi boa no sentido de estreitar ainda mais os laços entre o olímpico e paralímpico, que por muito tempo ficaram distantes. “É muito boa essa integração, isso aproxima bastante os atletas. Todo mundo veio aqui para fazer um bom resultado, uma boa corrida, esquecendo essa questão que existia um tempo atrás de rivalidade”, disse.
 
Neste domingo, foram disputadas provas de velocidade, salto em distância, arremesso de peso e lançamento de dardo e disco, tanto no feminino quanto no masculino. Nas dezoito disputas, os atletas olímpicos tiveram 100% de aproveitamento, garantindo os primeiros lugares em todas as provas. A segunda edição do Desafio está prevista para o dia 15 de abril, também no CT Paralímpico, em São Paulo.

Foto: CPB



Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes