Tricampeão olímpico, Shaun White pede desculpas após dizer que acusação de assedio sexual eram apenas fofocas

Em entrevista concedida após conquistar seu terceiro ouro olímpico no snowboard halfpipe, o norte-americano  Shaun White disse ser apenas “fofocas” as denúncias de assédio sexual em um processo movido contra ele em 2016. White, que domina o snowboard halfpipe há mais de uma década, tendo conquistado as medalhas de ouro das Olimpíadas de 2006, 2010 e novamente este ano, mais tarde pediu desculpas pelas palavras usadas para descrever um assunto “tão sensível”.

A medida em que White competia, muitas pessoas nas redes sociais trouxeram novamente os detalhes do processo movido por um ex-baterista da banda de rock de White, Bad Things. Lena Zawaideh disse na ocasião que White a perseguiu sexualmente e se recusou a pagar o seu salário depois que ele a demitiu. O processo foi resolvido em maio com o atleta desembolsando um valor não divulgado.

White foi questionado durante uma entrevista coletiva se as alegações poderiam manchar sua reputação. "Estou aqui para falar sobre as Olimpíadas, não fofocas e coisas. Acho que não", disse ele. Os repórteres tentaram acompanhar o processo, mas o diretor da equipe dos Estados Unidos de snowboard e esqui, Nick Alexakos, acabou encerrando a entrevista.

White imediatamente saiu do palco após a conferência, enquanto os repórteres continuaram a questioná-lo sobre o caso. "Eu tenho que chegar à cerimônia da medalha", disse ele enquanto era conduzido por Alexakos.

Mais tarde, White disse no programa Today Show, da NBC, que usou "uma má escolha de palavras para descrever um assunto tão sensível". "Realmente sinto muito. Eu estava tão surpreso em querer apenas falar sobre o quão incrível era hoje e compartilhar minha experiência", contou. White também disse que "cresceu como uma pessoa ao longo dos anos" e que está orgulhoso por ser quem é hoje.

No processo movido por Zawaideh ela afirma que o atleta a perseguiu sexualmente, a forçou a assistir pornografia e lhe disse como cortar o cabelo. Foi incluído gravações de mensagens de texto supostamente enviadas por White perguntando sobre o seu corte de cabelo e sugerindo que ela usasse roupas provocantes.

No processo também é dito que White pegou as nádegas de Zawaideh pouco depois de deixar um ensaio da banda e que uma vez empurrou uma garrafa de vodka em sua boca e a forçou a beber dela. Ela também disse que White enfiou as mãos em sua calça, aproximou-se de Zawaideh e colocou as mãos no rosto dela tentando fazer com que ela cheirasse. O processo também diz que White tentou beijar Zawaideh em uma festa de Halloween.

A banda Bad Things assinou com a Warner Bros. Records em 2013. O grupo de rock lançou um álbum em janeiro de 2014 e excursionou brevemente.


Os elogios para o desempenho de White em PyeongChang foi contrabalançado nas mídias sociais no momento em que a hashtag #MeToo (que incentiva mulheres que sofreram abusos sexuais contem as suas histórias e denuncie seus agressores) e outros movimentos estão pedindo mais responsabilidade sobre o assédio e o abuso.

Foto: AP


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes