Resumão de PyeongChang 2018 - Dia 2

Neste domingo tivemos o segundo de competições e mais medalhas foram distribuídas. E o resumo de tudo que aconteceu você confere aqui:

 Snowboard


Na final do slopestyle masculino, quem surpreendeu foi o americano Redmond Gerard, de apenas 17 anos. O americano conseguiu uma ótima apresentação na sua última tentativa e ficou com o ouro com a nota de 87.16, se tornando o segundo medalhista mais jovem da história a ganhar uma medalha de ouro entre os homens, perdendo apenas Toni Niemen, que foi ouro no Salto em esqui em 1992 com 16 anos e 261 dias.

A prata ficou com canadense Max Parrot e o bronze com também canadense Mark McMorris, que viu seu bronze como ouro após ficar entre a vida e a morte após uma queda em um treino em março de 2017, e onze meses depois conquista uma medalha olímpica

No slopestyle feminino, as qualificações foram canceladas devido a fortes rajadas de vento e todas atletas se classificaram para a final, que será nesta segunda

 Esqui Cross Country


A Noruega dominou o pódio da prova do 15Km + 15Km esquiatlo conquistando ouro, prata e bronze, algo que a Noruega não fazia desde Albertville 92, quando fez todo o pódio na prova de 30km do esqui cross country.

O medalhista de ouro Simen Hegstad Krueger ainda fez uma prova inacreditável de recuperação, pois teve que trocar os esquis, caiu para antepenúltimo e venceu a prova!

 Biatlo


Para quem esperava o primeiro round da disputa entre Martin Fourcade e Johannes Thingnes Boe na prova do sprint de 10Km, viu os dois cometerem muitas falhas e o alemão Arnd Peiffer não errar nenhum tiro e levar o ouro. Outros cotados para medalhas também ficaram para trás e Michal Krmcar e Dominik Windisch conseguiram o pódio. 

Fourcade terminou em oitavo e Thingnes Boe foi apenas o trigésimo primeiro.

 Patinação em velocidade


Sven Kramer confirmou o favoritismo e conquistou sua oitava medalha em jogos de inverno com o ouro nos 5000 metros. Kramer também se tornou o primeiro tricampeão nos 5000 metros na história e quebrou o recorde olímpico. o canadense Ted Jan Bloemen e o norueguês Sverre Lunde Pedersen fizeram uma disputa apertadíssima pela prata, só definida pelo photofinish. bloemen foi dois milésimos mais rápido e ficou com a prata

 Luge


Quando tudo caminhava para um ouro certo de Felix Loch, que ldierou as três descidas, o alemão acabou cometendo um raríssimo erro na última curva da pista de PyeongChang e amargou a quinta colocação. O ouro acabou sendo uma zebra, o austríaco David Gleirscher ficando com o ouro. Chris Mazdzer foi prata e se tornou o primeiro americano a conquistar uma medalha olímpica  no Luge entre os homens.

 Esqui Estilo Livre


No Moguls feminino, também tivemos surpresa. Em prova disputada sob sensação térmica de vinte graus negativos, a australiana Britnney Cox terminou apenas em quinto e viu a francesa Perrine Laffont superar a canadense Justine Dufour-Lapointe por apenas 9 décimos para ficar com o ouro. a Cazaque Yulia Galyscheva surpreendeu e ficou com o bronze

Outros eventos:

Tivemos também competições no hóquei no gelo, patinação artística e curling, que você encontra em posts separados no surto olímpico

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes