Morre o russo Sergey Livtinov, bicampeão mundial, campeão e recordista olímpico no lançamento de martelo


Faleceu nesta segunda-feira uma das maiores lendas do atletismo mundial, o lançador de martelo russo Sergey Litvinov. De acordo com informação repassadas pela Federação de Atletismo de Rússia (FAR) na quarta-feira, Litvinov, de 60 anos, morreu na cidade de Sochi, balneário que recebeu as Olimpíada de Inverno de 2014.

Bicampeão mundial em 1983 e 1987, Sergey Litvinov foi campeão olímpico nos Jogos de Seul, em 1988. A marca de 84,80 lhe rendeu não apenas o ouro naqueles jogos, como também o recorde olímpico da prova, que dura até hoje, sendo um dos recordes mais longos do atletismo mundial. Sergey foi ainda medalhista de prata nas Olimpíadas de Moscou, em 1980. Todos os seus títulos e medalhas foram conquistadas pela extinta União soviética.

Sergey Litvinov se sentiu mal enquanto andava de bicicleta após uma sessão de treinamento. Os médicos tentaram reanimá-lo, mas não foi possível.

Atualmente Litvinova era treinador e entre seus pupilos estava um de seus filhos, também de nome Sergey, que conquistou a medalha de bronze no Campeonato Europeu de 2014, disputado na cidade suíça de Zurique. "A partida deste grande atleta no passado e afamado treinador é uma grande perda tanto para o atletismo russo como para o mundo", afirmou a FAR em seu comunicado.


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes