Curada após cirurgias, Kerri Walsh planeja retorno ao circuito mundial em abril


Após uma lesão no ombro nas semifinais do torneio de Olszyn em julho, Kerri Walsh Jennings foi forçada a desistir de disputar o último Campeonatos Mundial de Vôlei de Praia. Após realizar duas cirurgias neste período em que esteve inativa, Walsh compartilhou boas notícias sobre seu retorno às areias.

"Meu corpo está se sentindo realmente bem", disse Walsh. "Eu tive minha cirurgia no ombro em setembro e antes disso eu tive minha cirurgia no tornozelo. Então, estou me sentindo muito otimista sobre esta corrida para Tóquio (2020). Na verdade, planejo qualificar e planejar em ouro junto com minha parceira Nicole Branaugh.

"Eu sinto que lesionei meu ombro porque meu tornozelo estava muito ruim. E se eu não tivesse machucado meu ombro, nunca teria rrumado o tornozelo, então é uma dessas boas notícias disfarçadas. Foi triste no início, mas, em última análise, isso me levou a uma situação melhor", completou.

A jogadora de 39 anos disse que a lesão no tornozelo não era nova, mas agora está curada ao lado do ombro e que está pronta para disputar a temporada de 2018.

"Nos últimos dois anos, eu diria que desde 2014-15, meu tornozelo vem piorando cada vez mais e me afetou de maneiras muito difíceis", disse Walsh. "Eu sou um pouco intensa e eu demoro um pouco para descobrir o que está acontecendo, porque eu só quero avançar e ser difícil. Em última análise, ele apenas me levou por um caminho onde meu corpo estava se machucando. Então, eu me sinto tão animado para estar saudável."
".

Voltando a treinar após a cirurgia, Walsh pretende voltar no torneio de quatro estrelas em Xiamen na China, válida pelo circuito mundial.

"Abril na China", disse ela. "Mal posso esperar".

O torneio, que acontecerá de 18 a 22 de abril, foi bom para Walsh ao longo dos anos, ganhando ouro em 2013 e bronze em 2016 com o ex-parceiro April Ross.

Foto: FIVB


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes