Comitê organizador de Tóquio 2020 define locais das competições do ciclismo estrada e da marcha atlética

O comitê organizador de Tóquio 2020 anunciou neste final de semana que os locais destinados ao ciclismo de estrada e à marcha atlética durante as Olimpíadas foram aprovados pelo Conselho Executivo do Comitê Olímpico Internacional (COI).

O Parque Musashinonomori será o ponto de partida dos eventos de ciclismo de estrada, com instalações temporárias especiais a serem instaladas. O parque está rodeado de florestas e o percurso convida ao público de Tóquio 2020 a apreciar o lindo cenário natural. Já o Fuji International Speedway, um circuito de corrida de motor não muito longe da área metropolitana de Tóquio e perto do icônico Monte Fuji, servirá como o ponto final da corrida de ciclismo estrada e, adicionalmente, como o local para o contrarrelógio do ciclismo de estrada. O circuito, utilizado por várias séries internacionais de esportes a motor, possui a mais recente tecnologia e instalações necessárias em um evento esportivo de classe mundial.

O Jardim do Palácio Imperial, no centro de Tóquio, servirá como local para eventos de marcha atlética. Composto por jardins japoneses tradicionais paisagísticos e rodeado por edifícios históricos, é um dos pontos turísticos mais famosos de Tóquio. A intenção de Tóquio 2020 é que, além de receber os atletas e espectadores durante os jogos, os locais famosos inspirem o público japonês a participar de atividades esportivas após os Jogos.

"Estou feliz que pudemos confirmar esses locais hoje. Eu acredito que isso servirá como um excelente estágio para os atletas e proporcionará uma excelente experiência ao espectador. Continuaremos trabalhando em colaboração com as Federações Internacionais para ajustar os detalhes exatos das rotas do percurso. Com apenas dois anos e meio para até a cerimônia de abertura, continuaremos a fazer progressos constantes para a entrega de um jogo bem-sucedido", disse o presidente-executivo de Tóquio 2020, Toshirō Mutō.

O anúncio de um local para ciclismo de estrada vem após longas discussões entre Tóquio 2020 e a União Ciclista Internacional. Os relatórios surgiram em outubro, e apontava que as corridas poderiam ser concluídas perto do Monte Fuji sob uma rota revisada, o que poderia evitar engarrafamentos em Tóquio, mas deveria provar que o local era bom para as transmissões televisivas.

O arquivo de candidatura de Tóquio 2020 indica que a corrida de estrada masculina acontecerá no dia 25 de julho, no dia seguinte à cerimônia de abertura. A corrida feminina será realizada no dia seguinte.

Em abril, uma campanha de alguns dos principais marchadores do mundo para salvar o evento de 50 km para Tóquio 2020 provou ser bem-sucedida depois que a Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF) arquivou os planos para retirar a prova do cronograma olímpico. Mais de 60 concorrentes, incluindo o australiano Jared Tallent e o eslovaco Matej Tóth, os respectivos campeões olímpicos de 50 km em Londres 2012 e Rio 2016, assinaram uma petição e enviaram ao presidente da IAAF, Sebastian Coe, para expressar sua oposição em relação aos planos de deixar de fora um evento que esteve presente em todos os programas olímpicos desde Los Angeles em 1932, com exceção de Montreal 1976.

Os planos para substituir o evento por uma nova distância de meia maratona foram então abandonados na sequência pelo Conselho da IAAF em Londres. Eles votaram contra o plano após uma apresentação apaixonada de Maurizio Damilano, medalhista olímpico de ouro nos 20 km da Itália em Moscou 1980 e agora chefe do Comitê da Marcha da IAAF, que queria que a distância fosse mantida. Acredita-se que o COI esteja por trás da proposta de retirar o evento como parte de sua campanha para melhorar a igualdade de gênero no programa.


Com quase 60% das instalações existentes, Tóquio 2020 diz que adotou um dos objetivos principais da Agenda 2020 para as Olimpíadas, criando um legado sustentável para as futuras gerações.

Foto: Tokyo 2020/Shugo Takemi


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes