IPC mantém Rússia suspensa, mas permite que atletas do país possam competir como neutros

O Comitê Paralímpico Internacional (IPC) anunciou que a Rússia segue banida de eventos internacionais, entretanto, os atletas do país poderão competir como neutros nos Jogos Paralímpicos de Inverno, em Pyeongchang.

O IPC havia banido a Rússia dos Jogos Paralímpicos de 2016 e mantém o país suspenso de competições oficialmente desde então.

Segundo o IPC, a Equipe Neutra Paralímpica (NPA) deve ter cerca de 30 a 35 atletas na Coreia do Sul. Em Sochi 2014, a Rússia teve 69 atletas.

Os atletas do país devem tomar parte em cinco esportes: Biatlo, Esqui alpino, Cross Country, Snowboard e Curling em Cadeira de Rodas. Atletas do Esqui Nórdico e  Hóquei no Gelo Paralímpico não estarão presentes.

Para poderem disputar os Jogos, os atletas tem de terem sido testados pelo menos duas vezes antes de PyeongChang e não terem sido implicados em investigações antidoping.

Os russos usarão uniformes que não identifiquem o país e desfilarão sob a bandeira paralímpica. No pódio - em caso de ouro - será tocado o hino paralímpico e hasteada a bandeira paralímpica. As bandeiras do país também estão proibidas nos locais de disputa.

Assim como aconteceu nos Jogos Olímpicos, nenhum membro do Ministério dos Esportes da Rússia será credenciado para Pyeongchang.

Foto: Getty Images


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes