Australian Open 2018 - Dia 8


O oitavo dia de competições em Melbourne marcou o complemento da fase de oitavas de final das chaves de simples, com duas grandes surpresas na chave masculina.

Masculino:

O suíço Roger Federer continua sua caminhasa sem sustos e sem perder set até aqui. A vítima da vez foi o húngaro Marton Fucsovics por 3 sets a 0, parciais de 6-4, 7-6(3) e 6-2. Federer terá pela frente nas quartas de final o tcheco Tomas Berdych, que despachou o italiano Fabio Fognini também por 3 sets a 0, parciais de 6-1, 6-4 e 6-4. 
Federer e Berdych já se enfrentaram 25 vezes, com ampla vantagem do suíço: 19 triunfos, contra 6 do tcheco. Quatro destes confrontos aconteceram no Australian Open, com o Federer vencendo todos os confrontos. Eles se encontraram nas duas últimas edições do torneio.

Duas grande surpresas marcaram o complemento das oitavas de final da chave masculina. A primeira delas foi a eliminação do austríaco Dominic Thiem, que perdeu para o americano Tennys Sandgren por 3 sets a 2, parciais de 6-2, 4-6, 7-6(4), 6-7(7) e 6-3. A outra surpresa foi a eliminação do sérvio Novak Djokovic, que perdeu para o sul-coreano Hyeon Chung por 3 sets a 0, parciais de 7-6(4), 7-5 e 7-6(3). 

Será a primeira vez que Sandgren e Chung chegaram às quartas de final de um Grand Slam. Eles já se enfrentaram uma vez no circuito, na primeira rodada do torneio de Auckland deste ano, com vitória do sul-coreano.


Feminino:

A programação da Rod Laver Arena começou com uma boa vitória da americana Madison Keys sobre a francesa Caroline Garcia por 2 sets a 0, parciais de 6-3 e 6-2. Keys enfrentará nas quartas de final a alemã Angelique Kerber que suou para vencer Su-Wei Hsieh por 2 sets a 1, de virada, parciais de 4-6, 7-5 e 6-2.

Keys e Kerber já se enfrentaram 7 vezes, com seis triufos da alemã e apenas um da americana. Será a segunda vez em que eles se enfrentarão no Australian Open. A primeira vez foi em 2013, com vitória de Kerber.

Depois de travar uma batalha de quase 4 horas na fase anterior, a romena Simona Halep dessa vez teve uma vitória mais tranquila, já que precisou de apenas 1 hora e 19 minutos para passar pela japonesa Naomi Osaka por 2 sets a 0, parciais de 6-3 e 6-2. A romena iguala o seu melhor resultado no Australian Open, já que chegou às quartas de final em 2014 e 2015.

Halep terá pela frente nas quartas de final a tcheca Karolina Pliskova, que venceu de virada a sua compatriota Barbora Strycova por 2 sets a 1, parciais de 6-7(5), 6-3 e 6-2. Pliskova também igual o seu melhor resultado na Austrália, já que chegou às quartas de final no ano passado.

Halep e Pliskova já se enfrentaram 6 vezes, com cinco triunfos da romena e apenas um da tcheca. Elas também brigam pela liderança do ranking da WTA após o torneio, juntamente com Caroline Wozniacki e Elina Svitolina.

Duplas:

Pela terceira rodada de duplas masculino, o brasileiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot avançaram para as quartas de final após derrotar a a dupla formada pelo americano Rajeev Ram e pelo indiano Dijiv Sharan por 2 sets a 1, de virada, parciais de 3-6, 7-6(4) e 6-4. Pela segunda rodada de duplas mistas, o brasileiro Bruno Soares e a russa Ekaterina Makarova venceram os australianos Sam Groth e Samantha Stour, com parciais de 6-7(4), 6-3 e 11-9 np match tie-break.

Juvenis

Pela segunda rodada, o brasileiro Igor Gimenez derrotou o uzbeque Sergey Fomin por 2 sets a 1, parciais de 6-1, 5-7 e 6-3. Já Marcelo Pucinelli foi eliminado pelo australiano Rinki Hijikata por 2 sets a 1, de virada, parciais de 4-6, 6-4 e 6-4. Nas duplas, Igor Gimenez ao lado do americano Sangeet Sridhar foram eliminados pelos tchecos Tomas Machac e Ondrej Styler, cabeças de chave 6, com parciais de 6-3, 3-6 e 10-5 no match tie-break.

Fotos: Australian Open 2018

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes