Surto História - Irina Rodnina e os acidentes de trabalho

Dizem que a história Irina Rodnina poderiam dar em filme. Ação, talento, amor e sangue. A russa é a patinadora de duplas de maior sucesso internacional da história. Ela tem 10 títulos mundiais consecutivos entre 1969 e 1978 e  é tricampeã olímpica nos jogos de 1972, 1976 e 1980 e primeira patinadora  a ganhar um ouro olímpico em duas parcerias diferentes.


Primeiramente Irina fez dupla com Alexei Ulanov e a partir de 1969, destronaram Ludmila e Oleg Protopopov — o fascínio Ulanov e Rodnina que despertaram no público foi tão grande, sentindo-se desprezados, os antigos heróis do gelo desertaram da URSS, chegando a pedir asilo político à Suíça.

Ulanov e Rodnina dominavam a patinação artística, levando o ouro olímpico em Sapporo-72. De súbito Ulanov apaixonou-se por outra patinadora,a também russa Liudmila Smirnova - prata me Sapporo, que durante um treino para o Mundial de 1972 estava tão vidrado em Smirnova, que estava fora do ringue assistindo o treinamento de ambos que... deixou cair Rodnina do alto da sua cabeça num dos exercícios mais perigosos e acrobáticos da dupla. Ela passou a noite no hospital com uma concussão e um hematoma intracraniano, em observação, deram-lhe alta no dia seguinte e ainda sim, a dupla conseguiu o quarto titulo mundial consecutivo.


Mas esse descuido foi a gota d'água do relacionamento dos dois, e um apaixonado Ulanov passou a fazer dupla com sua amada Smirnova, e a dupla se separou. Rodnina cogitou uma aposentadoria, mas o seu técnico convidou para refazer a dupla com o jovem Alexander Zaitsev

No dia em que o técnico os apresentou, Zaitsev ficou tão impressionado que apenas gaguejava - uma paixão à primeira vista. No primeiro treino de pista, no ensaio para um triple twist, Zaitsev ficou estático, com olhos fixos em Irina, e o corpo sem reação. A desconcentração causou um acidente quase fatal — as lâminas de um dos patins dela rasgaram-lhe o peito, causando um belo sangramento. Alex ironizaria depois: "Foi um ataque de paixão, incontrolável, avassalador. E se eu já sabia que a paixão é cega, nunca imaginei que fosse tão cortante!".

A paixão de Zaitsev foi correspondida e ambos logo namoraram, casaram e tiveram um filho durante o período em que estiveram juntos. Rodnina continuou sua sequência de títulos mundiais com Zaitsev, inclusive derrotando a dupla Ulanov e Smirnova. em 1976 conquistaram o ouro olímpico e em Lake Placid Rodnina conquistou o tri olímpico e Zaitsev, o bi. encerraram a carreira com mais um título europeu. Após a medalha de ouro de 1980, divorciaram-se. Rodnina partiu para os Estados Unidos, tornou-se técnica de patinação no lago Arrowhead, na Califórnia, e casou-se novamente. Atualmente Rodnina segue a carreira política, sendo deputada na Rússia


fotos: AP e Getty Images


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes