Federação Sueca de Futebol acerta novos contratos para equipe feminina


A Federação de Futebol da Suécia concordou com novos contratos para a equipe feminina depois de terem ameaçado não entrar em campo no amistoso contra a França no dia 27 de novembro. Embora os detalhes financeiros do acordo não sejam divulgados, ambas as partes estão "satisfeitas" com o novo acordo, que ocorreu após uma reunião de emergência realizada entre Magnus Erlingmark, o Secretário Geral da Federação Sueca de Futebol e Håkan Sjöstrand, Secretário Geral da Federação Sueca de Futebol, em Malmo.

O acordo dura até 2020 e inclui o reembolso para jogadoras que competiram a nível internacional ao longo de 2017, para ajustar seu salário ao novo acordo.

Håkan Sjöstrand disse: "É extremamente importante para nós que as jogadoras sejam apreciadas - então, é claro, é muito bom agora ter um acordo no lugar, elas e nós estamos muito satisfeitos. Isso levou tempo, mas o importante é que o resultado final seja bom. Agora colocamos este debate atrás de nós e nos concentramos em novas vitórias para o futebol sueco".

Após o anúncio de hoje, a jogadora sueca Caroline Seger, disse: "Sinto um alívio incrível de que o acordo esteja completo. Foi um longo processo para todas as partes. Estou feliz que agora possamos avançar e nos concentrar no jogo esportivo." 

As disputas sobre o pagamento estão em curso há algum tempo, com o lado feminino internacional da Suécia também ameaçando entrar em greve durante as finais do Campeonato Europeu na Holanda.

Este novo acordo de pagamento segue a recente decisão da federação norueguesa de pagar seus jogadores internacionais masculinos e femininos igualmente.

A Associação de Futebol da Dinamarca cancelou o jogo da Copa do Mundo contra a Suécia no mês passado devido a uma disputa "grotesca" sobre os contratos das jogadoras.

Foto: Getty Images


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes