Países punidos por casos recorrentes de doping no Levantamento de Peso poderão ter sanções reduzidas

Os nove países que foram suspensos do levantamento de peso por um ano esperam poder voltar a competir antes mesmo de terminar a suspensão.

A possibilidade de um retorno precoce, desde que os países façam bons progressos contra a cultura de doping que destruiu o esporte, foi anunciada pela Federação Internacional de Halterofilismo (IWF) depois que oficialmente iniciou as suspensões de um ano para as nove nações a partir desta sexta-feira (20).

China, Turquia, Rússia, Cazaquistão, Belarus, Azerbaijão, Armênia, Ucrânia e Moldávia são os países sancionados com a proibição de participar nos Campeonatos Mundiais da IWF em Anaheim, de 27 de novembro a 5 de dezembro.

Tamás Aján, presidente da IWF, disse: "As etapas tomadas no levantamento de peso são sem precedentes na história do esporte.

"Foi claro para nós na IWF que os problemas nesses nove países exigiam que as culturas nacionais inteiras mudassem", completou.

A IWF e uma equipe de conselheiros independentes trabalharão em estreita colaboração com as nove nações em uma tentativa de mudar a cultura do doping que colocou o status olímpico do esporte em risco.

Outras grandes competições que se enquadram no período de suspensão incluem os Campeonatos Mundiais Júnior da IWF no Uzbequistão em julho, os Jogos Asiáticos na Indonésia em agosto, o Campeonato Mundial Universitário em setembro e os Jogos Olímpicos da Juventude em outubro de 2018.

Foto: Getty Images


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes