Sergey Bubka tem participação suspeita em esquema de compra de votos da rio 2016, segundo jornal

Uma lenda do atletismo pode estar envolvido no esquema de compra de votos nos jogos rio 2016. Sergey Bubka, um dos maiores nomes do salto com vara da história do atletismo, foi apontado pelo jornal francês “Le Monde” como um dos agentes de uma operação financeira suspeita envolvendo uma das figuras centrais no processo que investiga a compra de votos na eleição que definiu o Rio de Janeiro como sede olímpica de 2016.

O jornal afirma ter provas de que Bubka transferiu US$ 45 mil (R$ 140,8 mil) para a News Mills Investments Ltd, offshore localizada nas Antilhas, consideradas um paraíso fiscal, no dia 18 de junho de 2009. A empresa pertence a Valentin Balakhnichev, ex-presidente da Feredação Russa de Atletismo e ex-tesoureiro da IAAF. No dia anterior, a companhia fez uma transação quase no mesmo valor (US$ 45.033) para a Pamodzi Sports, empresa cujo um dos sócios era Papa Massata Diack.

Ex-consultor de marketing e filho do ex-presidente da IAAF, Lamine Diack, Papa é apontado como um dos grandes articuladores de esquemas de corrupção envolvendo a entidade. O primeiro a vir à tona referia-se ao recebimento de propina para que o doping em massa de atletas russos fosse ignorado pela IAAF. Durante esta investigação, autoridades francesas descobriram também o envolvimento dele em transações que supostamente teriam financiado a compra de votos na eleição que definiu o Rio de Janeiro como sede olímpica de 2016.

Segundo as Justiças de França e Brasil, Papa Massata Diack teria recebido dinheiro do empresário brasileiro Arthur Cesar Soares - parceiro do ex-governador Sergio Cabral em operações ilícitas com dinheiro público - para que seu pai, Lamine, votasse no Rio de Janeiro e possivelmente influenciasse os votos de outros países africanos. Papa transferiu US$ 299.300 (quase R$ 950 mil) para uma companhia offshore chamada Yemli Limited no dia da eleição, 2 de outubro de 2009. 


foto:Reuters
Com informações de globoesporte.com

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes