COI aprova a eleição que pode ter afastado a ameaça de suspensão do Comitê Olímpico do Panamá.


Parece que finalmente chegou ao fim a batalha interna que durava cinco anos no Comitê Olímpico do Panamá (CONPANAMA) após a eleição realizada ontem para a escolha do novo presidente.

Camilo Amado venceu as eleições e é o novo presidente do Comitê, que desde 2008 vivia mergulhado em uma guerra interna, onde as facções rivais clamavam ser o legitimo representante do CONPAMAMA.

Entretanto, uma das facções reelegeu Miguel Sanchiz como presidente, mas o COI reconhece apenas a eleição realizada no domingo, que elegeu Amado. O problema é esperar para ver se os resultados do reconhecimento do COI da eleição irá resolver e unir as facções internas do Comitê.

Tudo começou após a eleição de 2008, quando Miguel Sanchiz foi eleito. Logo após as eleições, surgiram denuncias de que dois membros falecidos estavam habilitados para votar, enquanto alguns vivos, não poderiam votar nas eleições, então, a confusão se estabeleceu no comitê.

Por causa dessa disputa, o CONPANAMA foi suspenso em 2010, tendo sido revogada a suspensão em 2011 e agora esse fantasma volta a assombrar o país da América Central.


Fonte: Around the Rings



Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes